Flamengo não desiste. E nem pode.

O Flamengo fez então o necessário, ainda que não sofrendo o empate apenas por ótima defesa de Paulo Victor.

Diego, meia do Flamengo, contra o América-MG - Foto: Pedro Vilela/Getty Images
MAURO BETING: O Coelho começou como se não houvesse amanhã. Foi ao ataque e jogou o pouco que fez no BR-16. Ainda mais quando demitiu Givanildo. Mas levou um gol de Everton. Acabou. Não parecia mais haver amanhã.

O Flamengo fez então o necessário, ainda que não sofrendo o empate apenas por ótima defesa de Paulo Victor. Mais não fez o América em campo e no campeonato. Mereceu a queda anunciada e sacramentada tanto quanto o Flamengo merece ainda continuar na luta. Pode ser hoje de novo ultrapassado pelo Santos e de velho distanciado do Palmeiras. Mas não desiste. E nem pode.

Ainda tem campeonato. Quem sabe. E é dever seguir na boa batalha.

Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget