Flamengo ou Corinthians? Renato Augusto diz avaliar momento.

Renato Augusto falou com carinho das duas equipes, pelas quais passou, mas não cravou uma preferida.

Renato Augusto durante Flamengo x Corinthians - Foto: Buda Mendes/Getty Images
UOL: Um dos capitães da era Tite na seleção brasileira, Renato Augusto revelou nesta sexta-feira (4) um papo rápido com Neymar durante o jogo contra a Bolívia na penúltima rodada das Eliminatórias da Copa. O meio-campista pediu paciência para o camisa 10, que se irritou com o excesso de faltas dos jogadores bolivianos na ocasião.

"Ele realmente é um cara que apanha mais que os outros, realmente o cara já vai no jogo para bater nele. Independente se ele vai dar um toque ou dois (na bola), ele vai para apanhar, não tem jeito. No último jogo, contra a Bolívia, ele se irritou. Ele já tinha tomado cartão e falei: 'Cara, curte. Contra a Colômbia, na Olimpíada, tu apanhou muito mais do que hoje e amarelou o time inteiro dos caras. Você fez o time inteiro jogar. Você foi o nome do jogo. Curte'. Ele olhou para mim e começou a rir. Pensei: 'Agora ele vai'", relatou Renato Augusto no programa "Seleção SporTV".

O meio-campista do Beijing Guoan ainda falou sobre o acúmulo de responsabilidades de Neymar.

"Hoje tenho 28 anos e é fácil falar isso, talvez com 24 não conseguisse. É muito difícil hoje julgar o cara com 24 anos, vivendo o que está vivendo, com responsabilidades. Com 20, 21 anos era o capitão da seleção brasileira. Responsabilidade muito grande. Às vezes tem que deixar o cara apanhar, tem que bater um pouco de cara na parede para aprender", acrescentou Renato Augusto.

Com mais dois anos de contrato com o Beijing Guoan, da China, Renato Augusto disse que ainda sonha em voltar à Europa e que a escolha de um time para retornar ao Brasil dependeria do momento dos clubes.

Questionado durante o programa se escolheria Flamengo ou Corinthians em um possível retorno ao Brasil, Renato Augusto falou com carinho das duas equipes, pelas quais passou, mas não cravou uma preferida.

"Depende de momento. São clubes especiais para mim. Às vezes um clube não está precisando e outro está. Depende do momento", comentou Renato Augusto, que teve passagem pelo Fla de 2005 a 2008 e pelo Corinthians de 2013 a 2016.

Ele também falou sobre o desejo de retornar à Europa. "Tenho mais dois anos de contrato, se eu tiver oportunidade de voltar a Europa e continuar em alto nível... Não só financeiro. Talvez abrir mão de uma parte financeira e jogar em outro time, é uma coisa", disse.

Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget