Saiba até quando vale o contrato dos técnicos do Brasileirão 2016.

A diretoria do Flamengo cogitou enviar o treinador para cursos na Europa, mas o período de férias não será suficiente para isso.

Foto: ESPN
ESPN: A temporada 2016 do futebol brasileiro vai chegando ao fim e muitos times já começam a traçar seus planejamentos para o próximo ano. Os projetos, é claro, passam pelas mãos dos treinadores, mais quais clubes manterão suas comissões técnicas para 2017?

No momento, dos 20 times da Série A do Campeonato Brasileiro, 11 têm contratos com seus treinadores apenas até o final do ano, dois são comandados por interinos, e apenas sete possuem vínculos que os permitem pensar no começo da temporada que vem, por mais que contratos signifiquem pouco se a fase não ajuda.

Confira como está a situação do treinador do seu clube:

PALMEIRAS - CUCA  
Contrato: até dezembro de 2016

Projeção: O Palmeiras terá eleições no final do ano, e isso pode mudar o planejamento. Já foi especulado o retorno de Cuca para o futebol chinês, mas as conversas para uma possível renovação já estão acontecendo.

SANTOS - DORIVAL JÚNIOR   
Contrato: até dezembro de 2017

Projeção: Dorival é um dos poucos que possui contrato para 2017, mas, apesar da vice-liderança do Brasileirão, seu trabalho é questionado nos bastidores da Vila Belmiro. O presidente do clube, Modesto Roma, garante que confia no treinador, que já está no Santos desde julho de 2015.

FLAMENGO - ZÉ RICARDO 
Contrato: até dezembro de 2016

Projeção: A diretoria do Flamengo cogitou enviar o treinador para cursos na Europa, mas o período de férias não será suficiente para isso, já que a ideia é ter Zé Ricardo no comando da equipe na disputa da Copa Libertadores.

ATLÉTICO-MG - MARCELO OLIVEIRA 
Contrato: até dezembro de 2017

Projeção: Dono de um contrato longo, Marcelo Oliveira não parece seguro no cargo. A decepcionante campanha no Brasileirão, praticamente fora da briga pelo título neste momento, pesa contra. Um título da Copa do Brasil, no entanto, pode garantir uma sobrevida, como aconteceu no Palmeiras.

BOTAFOGO - JAIR VENTURA    
Contrato: até dezembro de 2016

Projeção: Depois de pegar o time na zona do rebaixamento, Jair Ventura deixa o Botafogo perto de garantir uma vaga na Copa Libertadores. Desta forma, não surpreende a informação de que a diretoria do clube já trabalha para renovar seu contrato até o fim de 2017.

ATLÉTICO-PR - PAULO AUTUORI 
Contrato: até dezembro de 2016

Projeção: O Atlético-PR luta por uma vaga na Copa Libertadores e o presidente do Conselho Deliberativo, Mario Celso Petraglia, já disse que Autuori só sai do clube se quiser. Em meados de outubro, o treinador rejeitou uma proposta do futebol da Arábia Saudita.

CORINTHIANS - OSWALDO DE OLIVEIRA   
Contrato: até dezembro de 2017

Projeção: Oswaldo chegou respaldado pelo presidente do clube, mas acumula uma goleada sofrida contra o São Paulo, uma eliminação da Copa do Brasil e apenas uma vitória, contra o América-MG, em sua estreia. A continuidade do trabalho pode estar ligada à conquista de uma vaga na Libertadores.

GRÊMIO - RENATO GAÚCHO  
Contrato: até dezembro de 2016

Projeção: Contratado para substituir Roger Machado, Renato Gaúcho agradou a diretoria com o desempenho no Brasileiro e a chegada à final da Copa do Brasil. A diretoria tem intenção de mantê-lo, mas o técnico só quer conversar após a decisão contra o Atlético-MG.

FLUMINENSE - MARCÃO 
Contrato: interino

Projeção: Parece improvável que o ex-jogador siga no cargo que assumiu recentemente, após a demissão de Levir Culpi. Os dirigentes do Fluminense trabalham atrás de um substituto, mas nada foi revelado sobre o assunto.

CHAPECOENSE - CAIO JÚNIOR   
Contrato: até dezembro de 2016

Projeção: Caio Júnior chegou após a saída de Guto Ferreira. Livre de riscos no Campeonato Brasileiro e ainda sonhando com um título na Copa Sul-Ameericana, é grande a chance que estenda seu contrato com a equipe catarinense.

PONTE PRETA - EDUARDO BAPTISTA           
Contrato: até dezembro de 2017

Projeção: Depois de chegar a sonhar com uma briga por vaga na Libertadores, Eduardo Baptista teve que lidar com as especulações sobre seu futuro, sendo cotado para assumir, por exemplo, o Corinthians. Já renovou seu vínculo com o time de Campinas.

SÃO PAULO - RICARDO GOMES  
Contrato: até dezembro de 2016

Projeção: Com campanha cheia de altos e baixos, o futuro do treinador é um mistério. Especula-se que o ídolo Rogério Ceni assuma a condição de treinador no próximo ano, mas Ricardo Gomes ganhe uma outra função no clube.

CRUZEIRO - MANO MENEZES  
Contrato: até dezembro de 2017

Projeção: Mano Menezes já havia agradado a torcida em sua passagem pelo clube em 2015. Voltou da China para ajudar a salvar o Cruzeiro do rebaixamento, e foi até a semifinal da Copa do Brasil. Sua permanência para 2017 é praticamente certa.

SPORT - DANIEL PAULISTA        
Contrato: até o fim do Brasileiro

Projeção: Daniel assumiu a posição com a saída de Oswaldo de Oliveira. Efetivado para a reta final do campeonato, em poucos jogos conseguiu tirar o time da zona do rebaixamento e ganhou elogios de diretores e torcedores. Não existe uma definição sobre seu futuro.

CORITIBA - PAULO CÉSAR CARPEGIANI   
Contrato: até dezembro de 2016

Projeção: Depois de ficar quase três anos "aposentado", Carpegiani chegou e está perto de livrar o Coritiba do rebaixamento. Com a torcida satisfeita com o atual trabalho, deve seguir no posto para o começo da próxima temporada.

VITÓRIA - ARGEL FUCKS
Contrato: até dezembro de 2016

Projeção: Com a ameaça do rebaixamento ainda muito próxima, não há planejamento para a próxima temporada. Caso consiga livrar a equipe da Série B em 2017, Argel pode garantir sua permanência.

INTERNACIONAL - CELSO ROTH   
Contrato: até dezembro de 2016

Projeção: Contratado para livrar o Inter da Série B, Celso Roth vem tendo dificuldades em cumprir a missão. Apesar de quase ter colocado a equipe na final da Copa do Brasil, o trabalho não agrada e não são grandes as chances de sequência.

FIGUEIRENSE - MARQUINHOS SANTOS
Contrato: até dezembro de 2017

Projeção: Foi o contrato de longo prazo que seduziu Marquinhos Santos a largar o Fortaleza no meio da reta final da Série C. Apesar do vínculo longo, uma queda para a Série B pode significar um fim para seu trabalho na equipe.

SANTA CRUZ - ADRIANO TEIXEIRA   
Contrato: Interino

Projeção: Depois de assumir o comando com a equipe já quase sem salvação, Adriano conseguiu uma vitória e um empate, insuficiente para evitar a queda antecipada. A mudança da postura em campo pode lhe dar uma chance, mas o clube não fala sobre o assunto.

AMÉRICA-MG - ENDERSON MOREIRA  
Contrato: fim do Campeonato Mineiro de 2017

Projeção: Enderson foi outro a assumir o clube já praticamente sem chances de salvação. Mesmo assim, conseguiu bons resultados e parece garantido para a disputa do Estadual.

VASCO - JORGINHO   
Contrato: até dezembro de 2016

Projeção: Depois de um bom trabalho na reta final de 2016, o título Carioca e um bom começo de Série B, Jorginho parecia unanimidade. A queda no desempenho do time e a ameaça de não conquistar o acesso, porém, já causaram até especulações sobre uma demissão antes do fim do ano.


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget