"Tínhamos a obrigação de vencer", lamenta zagueiro do Flamengo.

Ao analisar o jogo, o capitão lamentou as chances desperdiçadas durante a partida.

Foto: Rudy Trindade/FramePhoto/Gazeta Press
EXTRA GLOBO: Vaiados por boa parte dos mais de 40 mil torcedores que foram ao Maracanã, os jogadores do Flamengo lamentaram mais um tropeço jogando em casa. O discurso foi semelhante: pesar pelo empate frente ao Coritiba, lamento pelo fim do sonho do sétimo título Brasileiro e pedidos de desculpas aos que foram ao Maracanã na noite de ontem.

— O nosso sonho de conquistar o título foi por água abaixo. Tínhamos a obrigação de vencer onde mais queríamos vencer. Sabíamos que, em caso de tropeço, o torcedor poderia cobrar. E isso aconteceu — disse o zagueiro Réver.

Ao analisar o jogo, o capitão lamentou as chances desperdiçadas durante a partida.

— Acho que fizemos um primeiro que poderíamos ter liquidado o jogo. Fizemos 2 a 0 com autoridade.. Tomamos um gol que abateu a nossa equipe. Eles tiveram chances claras para marcar. O Muralha teve uma tarde inspirada — reconheceu o defensor.

O Flamengo terá uma semana de trabalho antes da partida contra o Santos, domingo, às 17h, no Maracanã. A ordem, após a decepção de ontem, é dar uma última alegrai ao torcedor.

— Infelizmente, nós deixamos escapar essa vitória. Agora temos que trabalhar, não tem outra saída. É fazer o maior número de pontos possível — disse o atacante Gabriel.


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget