Veja o elenco e como foi a preparação de cada time para NBB 9.

Fizemos um raio-x de cada equipe que tentará tirar a taça de campeão do Flamengo - dono das últimas quatro taças.

Foto: André Durão
GLOBO ESPORTE: O NBB está de volta! Em sua nona edição, a principal competição do basquete nacional começa neste sábado com a reedição da final da temporada passada, entre Flamengo e Bauru, a partir das 14h (horário de Brasília), no ginásio Panela de Pressão, em Bauru. O SporTV transmite ao vivo, e o GloboEsporte.com acompanha tudo em Tempo Real com vídeos.

Para você ficar por dentro de todas as movimentações no mercado de jogadores, quem chegou, quem saiu e as novidades dos 15 times participantes, uma vez que Rio Claro alegou dificuldade econômica e não disputará o torneio, fizemos um raio-x de cada equipe que tentará tirar a taça de campeão do Flamengo - dono das últimas quatro taças.

Para esta temporada, o Novo Basquete Brasil mantém sua forma de disputa: primeira fase com turno e returno e todos jogando contra todos. Os quatro primeiros avançam direto para as quartas de final, e os oito seguintes se enfrentam nas oitavas de final. Apenas um será rebaixado.

FLAMENGO

Atual tetracampeão do NBB, o Flamengo chega mais uma vez como um dos favoritos ao título, mesmo com a saída de alguns dos seus principais jogadores, como Rafa Luz, Meyinsse e Gegê, além de três derrotas para o rival Vasco, uma em um amistoso e duas pelo Carioca. Como preparação para o NBB, o Rubro-negro disputou torneios amistosos no Peru e no Ceará, além do Estadual. O time de José Neto conta com a chegada de muitos garotos, sendo Ricardo Fischer o principal deles, mesmo sem uma participação efetiva no Carioca por conta de uma lesão sofrida no joelho, em março. E as contusões foram constantes no começo da preparação. Ao todo, cinco jogadores ficaram fora das partidas por problemas médicos.

Último NBB: Campeão
Preparação para o NNB 9: Torneio de Arequipa; SuperFour; Carioca
Entradas: Ricardo Fischer (armador, ex-Bauru); Pedrinho Rava (armador, ex-Mackenzie); Lelê (ala, ex-Limeira); Humberto Gomes (ala/armador, ex-Pinheiros) e Léo Bispo (ala/pivô, ex-Pinheiros)
Saídas: Gegê (armador, Bauru); Rafa Luz (armador, Saski Baskonia-ESP); Robinson (ala); Meyinsse (ala, San Lorenzo-ARG); Danielzinho (armador, Minas)

Elenco:
Armador: Ricardo Fischer e Pedrinho Rava
Ala-Armador: Marcelinho, Ronald Ramon e Humberto Gomes
Ala: Marquinhos, Felipin, Lelê e Danilo
Ala-Pivô: Rafael Mineiro, Olivinha e Jorge Iglesias
Pivô: JP Batista, Léo Bispo e João Vitor

Principal jogador: Marquinhos
Expectativa: Título
Títulos do NBB: 5 títulos (2009, 2013, 2014, 2015 e 2016)

BAURU

O Bauru chega credenciado por ter sido finalista nas duas últimas temporadas, mas igualmente marcado pelo carimbo de "vice" após perder as duas decisões para o Flamengo. Além disso, o Dragão ratificou essa condição no Campeonato Paulista deste ano ao perder a final para o Mogi das Cruzes. Depois de duas temporadas como dono de um dos principais elencos do país, terá de provar que segue forte para chegar aos playoffs pelo menos entre os quatro primeiros, o objetivo declarado. O time perdeu verba de patrocínio e nomes de peso, como os armadores Ricardo Fischer e Paulinho Boracini, o pivô Murilo Becker e o ala Robert Day. Por outro lado, contratou jogadores experientes que ainda não se firmaram como substitutos à altura, como o armador Valtinho, 39 anos, o pivô Shilton, 34, e na véspera da estreia apresentou dois jovens que despontam como promessas, o armador Gegê e o ala Gui Deodato, ambos ex-Rio Claro.

Último NBB: Final; Perdeu para o Flamengo
Preparação para o NNB9: Paulista (vice-campeão)
Entradas: Gegê (armador, ex-Rio Claro); Gui Deodato (ala, ex-Rio Claro); Valtinho (armador, ex-Paulistano) e Shilton (pivô, ex-Minas).
Saídas: Ricardo Fischer (armador, Flamengo); Murilo (pivô, Vasco); Robert Day (ala, aposentado); Paulinho Boracini (armador, sem clube) e Roy Booker (ala/armador, sem clube).

Elenco:
Armador: Gegê, Valtinho, Gui Santos e Stéfano Pierotti.
Ala: Alex Garcia, Gui Deodato, Léo Meindl, Léo Eltink, Henrique Cerimelli e Felipe Smith.
Pivôs: Rafael Hettsheimeir, Jefferson Willian, Shilton, Michael Uchendu, Gabriel Jaú e José Carlos Jr.

Principais jogadores: Alex Garcia e Rafael Hettsheimeir
Expectativa: Título
Títulos do NBB: zero; vice-campeão em 2014 e 2015.

BRASÍLIA

Após três anos sem conseguir passar das quartas de final, o tricampeão Brasília finalmente voltou a ficar entre os quatro melhores na temporada passada – perdeu nas semifinais para o Bauru. Para o NBB 9, a equipe manteve a base: o capitão Guilherme Giovannoni segue como principal referência, e os titulares Fúlvio, Deryk Ramos e Pilar renovaram contrato. Mas também houve mudanças. O garrafão foi completamente reformulado, com as saídas de Ronald e Lucas Cipolini, e as chegadas dos reforços Lucas Mariano e Fab Melo. Outra importante mudança no time candango foi a saída do ala Arthur, que deixou a equipe após dez anos e muitos títulos na capital federal. O elenco de apoio do Brasília também ganhou novos nomes, como Alex (ex-Caxias) e João Phylippe (ex-Macaé).

Último NBB: Playoffs; perdeu para o Bauru nas semi
Preparação para o NNB9: Liga Sul-americana; Copa Universo
Entradas: Lucas Mariano (pivô, ex-Mogi); Fab Melo (pivô, ex-Liga Sorocabana); Alex (ala, ex-Caxias) e João Phylippe (ex-Macaé).
Saídas: Ronald (pivô); Lucas Cipolini (pivô, Franca); Arthur (ala, Vitória); Coimbra (pivô, Vitória) e Victor Pureza (armador)

Elenco:
Armador: Fúlvio e Jefferson Campos
Ala-Armador: Deryk Ramos e Pedro
Ala: Alex e Paulo
Ala-Pivô: Guilherme Giovannoni, Pilar e João Phylippe
Pivô: Lucas Mariano, Fab Melo e Rômulo

Principal jogador: Guilherme Giovannoni
Expectativa: Título
Títulos do NBB: 3 (2010, 2011, 2012)

MOGI DAS CRUZES

O Mogi vai para a disputa de sua quinta edição do NBB motivado pelo título paulista, recém-conquistado sobre o Bauru. Após 20 anos, o time voltou a ser campeão estadual com uma campanha de apenas três derrotas em 24 jogos e agora busca ganhar o torneio nacional pela primeira vez. Semifinalista do NBB nas últimas três temporadas, tem como principal novidade para 2016/17 a presença do vitorioso técnico Guerrinha no banco de reservas. Com o treinador também chegaram o pivô Caio Torres (ex-Paulistano), o ala-pivô Fabricio (ex-Ginástico) e o jovem pivô Jonathan (ex-São José). Em relação ao time que terminou a temporada passada, deixaram o elenco os pivôs Paulão (Paulistano), Wagner (Vasco) e Lucas Mariano (Brasília). Mas a principal força da equipe está no trio formado pelos americanos Larry Taylor, Tyrone e Shamell. Showmell, como é chamado pela torcida mogiana, é o maior cestinha da história do NBB com 5.422 pontos e foi eleito o melhor estrangeiro do NBB 8.

Último NBB: 3º colocado
Preparação para o NBB 9: Paulista (Campeão)
Entradas: Caio Torres (pivô, ex-Paulistano); Fabricio (ala-pivô, ex-Ginástico) e Calvi (ala/pivô, ex-Quilmes)
Saídas: Paulão (pivô, Paulistano); Wagner (pivô, Vasco) e Lucas Mariano (pivô, Brasília)

Elenco:
Armador: Larry Taylor, Vithinho e Elinho
Ala: Shamell, Jimmy, Filipin e Lessa
Pivô: Fabricio, Tyrone, Gerson, Jonathan, Caio Torres e Calvi

Principal jogador: Shamell
Expectativa: Final
Títulos: zero

VASCO DA GAMA

Depois de quase dez anos, o Vasco voltou a disputar o Estadual adulto e chega com boas chances no NBB. Isso porque já em seus primeiros compromissos contra o Flamengo, seu maior rival e o principal time no cenário nacional, foram duas vitórias, que o credenciavam a brigar pelos playoffs. Campeão da Liga Ouro, torneio de acesso ao NBB, o Cruz-Maltino se reforçou com jogadores experientes. O armador Nezinho, campeão do NBB pelo Brasília, o ala David Jackson, MVP do torneio de 2014, e os pivôs Murilo e Fiorotto são algumas das contratações. A presença do ginásio de São Januário, onde a equipe mandou suas partidas na temporada passada, também é um importante trunfo para o Vasco.

Último NBB: Disputou a Liga Ouro de 2016
Preparação para o NNB9: SuperFour (Campeão); Carioca
Entradas: Nezinho (armador, ex-Franca); David Jackson (ala/armador, ex-Quimsa-ARG); Murilo Becker (pivô, ex-Bauru); Wagner (pivô, ex-Mogi) e Fiorotto (pivô, ex-Rio Claro)
Saídas: Jeff Agba; Erick (Pivô, Macaé); Douglas Nunes (ala/pivô, Liga Sorocabana) e Collum

Elenco:
Armador: Nezinho, Palácios, Ricardinho, Bruninho e Léo
Ala-Armador: David Jackson e Hélio
Ala: Márcio e Marcellus
Ala-Pivô: Willian Drudi e Gaúcho
Pivô: Murilo e Fiorotto

Principal jogador: David Jackson
Expectativa: Playoffs
Títulos do NBB: zero

VITÓRIA

A nona edição do NBB será a segunda temporada do Vitória na competição. Em sua estreia, a equipe baiana conseguiu atingir o objetivo de chegar ao playoff. Agora, com mais tempo de preparação, a intenção é avançar às quartas de final do torneio. Para isso, o clube fez uma completa reformulação. Da temporada passada, permaneceram apenas o técnico Régis Marrelli e o ala Edu Mariano. Foram 11 contratações, sendo a principal esperança o ala Arthur Belchor, que participou de todas as grandes conquistas do Brasília (Nacional de Basquete, na temporada 2006/07, os três NBBs, as três Ligas Sul-Americanas e a Liga das Américas). Ainda sem uma conquista nacional, o Rubro-Negro se preparou para o NBB com a disputa do Super Four e da Copa Universo, em Salvador.

Último NBB: Playoffs; perdeu para o Mogi nas 8as
Preparação para o NNB9: SuperFour e Copa Universo (amistosos).
Entradas: Felipe Braga, Kenny Dawkins (armador, ex-Paulistano); Murilo;  Arthur Belchor (ala, ex-Brasília); Chris Hayes (ala/pivô, ex-Limeira); Renato Scholz (ala/pivô, ex-Liga Sorocabana); André Coimbra (pivô, ex-Brasília); Douglas Kurtz (pivô, ex-Franca); Victor Palma; Gabriel e Tom (pivô, ex-Rio Claro).
Saídas: Todo o elenco da temporada passada, exceto Edu Marino.

Elenco:
Armadores: Kenny Dawkins, Victor e Murilinho.
Alas: Edu Mariano e Arthur Belchor
Alas-pivôs: Chris Haynes, Renato Scholz e Gabriel Assunção
Pivôs: Douglas Kurtz, Tom, Felipe Braga e André Coimbra 

Principal jogador: Arthur Belchor
Expectativa: Playoffs
Títulos do NBB: zero

BASQUETE CEARENSE

Após a campanha inédita no NBB, em que avançou direto às quartas de final após o quarto lugar na fase de classificação, o Basquete Cearense sonha mais alto. O time eliminado diante do Mogi nas quartas dos playoffs manteve a base. O técnico Alberto Bial fez apenas duas contratações: o ala Gruber e o armador Gustavinho chegaram para reforçar o time cearense. Na pré-temporada, sem estadual, o Carcará fez quatro amistosos contra Brasília e participou de um torneio com Flamengo, Vasco e Vitória, além de uma excursão com jogos pela China.

Último NBB: Playoffs; perdeu para Mogi nas quartas.
Preparação para o NBB9: Partidas amistosas; SuperFour; Excursão na Europa/China
Entradas: Gruber (ex-Paulistano) e Gustavinho (ex-Caxias do Sul)
Saídas: Victor Gusmão e Rômulo (ambos foram para a Liga Sorocabana)

Elenco:
Armador: Davi Rossetto e Gustavinho
Ala-armador: Audrei e Duda Machado
Ala: Gruber, Toledo, Sualisson e Rashaun
Ala-pivô: Felipe
Pivôs: Léozão, Leal e Thiagão

Principal jogador: Davi Rossetto
Expectativa: Playoffs; Semi
Títulos do NBB: zero

PAULISTANO

O terceiro lugar na fase regular garantiu ao Paulistano uma vaga nas quartas do NBB da temporada passada. Esse ano, o time de São Paulo quer ir ainda mais longe e se reforçou para isso. Misturando a juventude de Georginho e Lucas Dias, do rival Pinheiros, com a experiência do pivô Paulão Prestes, vindo do Mogi das Cruzes, a equipe vermelha foi bem nos primeiros compromissos na Liga Sul-Americana e se garantiu no quadrangular semifinal do torneio. O Paulistano encara Gimnasia de Comodoro (Argentina), Hebraica Macabi (Uruguai) e Mogi para buscar uma vaga na final do torneio. Com uma boa regularidade, o time pode voltar a brigar pelo título do NBB, como foi em 2014, quando terminou com o vice-campeonato.

Último NBB: Playoff; perdeu o Brasília nas quartas.
Preparação para o NNB9: Paulista; Liga das Américas
Entradas: Georginho (armador, ex-Pinheiros); Lucas Dias (ala, ex-Pinheiros); Eddy (ala, ex-Macaé); Renato Carbonari (ala/pivô, ex-São José) e Paulão Prestes (pivô, ex-Mogi)
Saídas: Caio Torres (Pivô, Mogi); Valtinho (armador, Bauru); Dawkins (armador, Vitória); Gruber (ala, Basquete Cearense); Gemerson (ala, Pinheiros) e Toyloy (pivô, Franca)

Elenco:
Armador: Léo, Arthur Pecos e Georginho
Ala-Armador: Luis Fernando e Mogi
Ala: Alex, Jhonatan, Lucas Dias, Pedro Paulo e Eddy
Ala-Pivô: Renato Carbonari
Pivô: Victão, Pedrão, Guilherme e Paulão Prestes

Principal jogador: Paulão Prestes
Expectativa: Playoffs
Títulos do NBB: zero (vice em 2014)

FRANCA

Após o NBB 2015/16, a diretoria do Franca fez uma reformulação na comissão técnica. Lula Ferreira assumiu o posto de diretor geral, abrindo espaço para o ex-jogador Helinho, filho do ex-treinador Hélio Rubens. No Paulista, a equipe fez a terceira melhor campanha na fase de classificação, mas foi eliminado pelo Bauru. Com dificuldades financeiras, o clube tem apostado nos garotos formados na base, mesclando com alguns nomes mais experientes, casos do ala-pivô César e do pivô Lucas Cipolini. No banco, com Helinho, é notória a renovação, já que Lula Ferreira assumiu um cargo técnico-administrativo, atuando dentro e fora da quadra. Apesar disso, a diretoria do Franca admite a procura por um pivô. O clube tentou a contratação de Paulão Prestes, mas a campanha que tornaria a transferência viável falhou. O ala-armador Coelho desponta como principal jogador do Franca.

Último NBB: Playoffs; perdeu para Rio Claro nas oitavas
Preparação para o NNB9: Paulista
Entradas: Cipolini (pivô, ex-Brasília); César (ala/pivô, ex-Rio Claro); Pedro (ala/armador, ex-São José); Dú Sommer (ala/pivô ex-Limeira); Henrique Coelho (ala/armador, ex-Minas); Alexey (armador, ex-Campo Mourão) e Toyloy (pivô, ex-Paulistano)
Saídas: Nezinho (armador, Vasco); Mathis (pivô, Pinheiros); Bruno (ala, Caxias do Sul); Douglas Kurtz (pivô, Vitória); Schneider (ala, Macaé) e Thiaguinho (armador, Macaé);

Elenco:
Armador: Alexey e Cauê Borges
Ala-Armador: Cassiano e Coelho
Ala: André, Didi, Isaac, Léo, Pedro e Guilherme
Ala-Pivô:  Antônio, César, Du Sommer e João Pedro
Pivô: Ariel, Rafael, Cipolini e Toyloy

Principal jogador: o ala/armador Coelho
Expectativa: Playoffs
Títulos do NBB: zero

PINHEIROS

Depois de fazer uma boa campanha no NBB 8, quando chegou às quartas de final e perdeu para o Bauru, o Pinheiros vem para a temporada 2016/17 buscando ir ainda mais longe. Mesmo perdendo quatro de seus principais jovens jogadores, como Georginho e Lucas Dias, que foram para o Paulistano, além de Humberto e Léo Bispo, para o Flamengo, a equipe paulista confia no talento do ala Holloway para conquistar uma vaga em torneios internacionais. Com contratações pontuais e alguns jovens da categoria de base sendo elevados ao profissional, o Pinheiros disputou o Paulista e alguns amistosos como preparação para o NBB 9.

Último NBB: Playoff; perdeu para o Bauru nas quartas
Preparação para o NNB9: Paulista e partidas amistosas
Entradas: Gemerson (ala, ex-Paulistano); Mathias (pivô, ex-Franca); Ansaloni (pivô, ex-Minas); Neto (ala/armador, ex-Liga Sorocabana) e Luiz Gustavo (ala, ex-Osasco Basquete).
Saídas: Georginho (armador, Paulistano); Lucas Dias (ala, Paulistano); Léo Bispo (ala/pivô, Flamengo) e Humberto Gomes (ala/armador, Flamengo)

Elenco:
Armador: Bennett, Ruivo e Juliano
Ala-Armador: Neto, Scaglia e Danilo Sena
Ala: Holloway, Luiz Gustavo, Aquiles e Thiago
Ala-Pivô: Renan, Gemerson e Lucas Caue
Pivô: Artur, Mathias, Ansaloni e Mateus

Principal jogador: Holloway
Expectativa: Playoffs; Vaga torneios internacionais
Títulos do NBB: zero

MINAS

A última temporada do NBB não foi das melhores para o time do Minas. A equipe caiu na primeira rodada dos playoffs para o Pinheiros, que venceu a série melhor de cinco jogos por 3 a 2. Sem ter vencido uma edição do NBB, o grupo se preparou para a temporada disputando o Campeonato Mineiro. O treinador Cristiano Grama, que esteve à frente do time no Mineiro, estará com a equipe também no NBB. Segundo ele, para esta temporada o grupo une juventude e experiência. Os principais jogadores da equipe são os alas Pedro Macedo e Danilo Siqueira, e os armadores Wilsinho e Scott Rodgers.

Último NBB: Playoff; perdeu para o Pinheiros nas oitavas
Preparação para o NNB9: Mineiro
Entradas: Wilsinho (armador, ex-Basquete Curitiba); Scott Rodgers (armador, ex-São José); Darion Rackey (ala/armador, ex-Malmö Malbas, Suécia); Wesley BH (pivô, ex-São Bernardo) e Danielzinho (armador, ex-Flamengo).
Saídas: Patrick Carioca (armador, Liga Sorocabana), Shilton (pivô, Bauru), Henrique Coelho (armador, Franca), Léo Demétrio (ala/pivô, Fuenlabrada-ESP), Ralfi Ansaloni (pivô, Pinheiros), Benzor Simmons, Lucas Rosniak, Rafael Oliveira, Isaac Sosa, Loroh, Juliatto, Pitico e Dexter Kernich-Drew

Elenco:
Armador: Danielzinho, Wilsinho e Scott Rodgers
Ala-Armador: Darion Rackley
Ala: Gustavo, Christian Panunzio, Pedro Macedo, Danilo Siqueira e Geovane
Ala-Pivô: Matheus Silveira e Victor
Pivô: Wesley BH, Adriano “Big” Junior, Matheus Pereira e Thales Santo

Principais jogadores: Pedro Macedo e Scott Rodgers
Expectativa: Playoffs
Títulos do NBB: zero

LIGA SOROCABANA

Saem os jovens, entram os veteranos. Após uma atuação muito abaixo do esperado no Campeonato Paulista, com a eliminação na primeira fase e encerrando sua participação como lanterna entre dez times, a Liga Sorocabana chega com um elenco renovado, apostando principalmente em atletas com experiência. Os jovens Rômulo, Douglas, Vítor Gusmão, Hugo, Carioca e Gabriel deixaram o time, além do americano Broderick. Para os lugares, Rinaldo Rodrigues contratou jogadores rodados, como Luisinho, Ted Simões e Jefferson Sobral, e ainda o argentino Cafferata. A expectativa é que, assim como no NBB 8, o time volte a brigar na parte de baixo da tabela, mas de olhos bem abertos. Nesta temporada, o último será rebaixado à Liga Ouro.

Último NBB: Primeira fase
Preparação para o NNB9: Paulista
Entradas:  Rafael Castellon (ala, ex-América, de Rio Preto); Darnell Evans (armador); Cafferata ; Luisinho (armador, Ginástico); Ted Simões (ala, ex-Campo Mourão); Adriano Machado (pivô, ex-Ceub) e Jefferson Sobral (ala, ex-Tijuca);
Saídas: Fabrício Melo (pivô, Brasília); Neto (armador, Pinheiros); Rômulo; Douglas; Vítor Gusmão; Hugo; Carioca; Gabriel e Broderick

Elenco:
Armador: Cafferata, Lucas Lima e Darnell Evans
Ala-Armador: Victor, Alexandre e Luisinho
Ala: Castellon, Ted Simões e Jefferson Sobral
Ala-Pivô:  Leandro e Bruno
Pivô: Maique e Adriano Machado

Principais jogadores: Pedro Macedo e Scott Rodgers
Expectativa: Briga contra o rebaixamento
Títulos do NBB: zero

MACAÉ

Depois de não se classificar para os playoffs do NBB 8, o Macaé resolveu mudar completamente o elenco. Todos os jogadores da temporada passada deixaram o time, e o único do atual plantel que estava no clube é o ala Matheusinho, quando ainda era da base. Ao todo, foram 12 contratações para a disputa do Carioca e do NBB, com destaque para a dupla americana Kendall Anthony e Lewis Leonard. Nas quadras, a equipe fluminense não deve lutar pelas posições mais altas da tabela, e chega para não ser rebaixada.

Último NBB: Primeira fase
Preparação para o NBB9: Estadual
Entradas: Thiaguinho; Kendall Anthony; Lewis Leonard; Rafa Moreira; Carlinhos; Pitico; Igor Avelino; Matheus Alex; Pezão; Erick Camilo e Lupa.
Saídas: Todos os jogadores da temporada passada.

Elenco:
Armador: Thiaguinho e Kendall Anthony
Ala-Armador: Pitico
Ala: Lewis Leonard, Rafa Moreira, Carlinhos e Matheusinho
Ala-pivô: Igor Avelino, Matheus Alex e Pezão
Pivô: Erick Camilo e Lupa

Principal jogador: Anthony
Expectativa: Briga contra o rebaixamento
Títulos do NBB: zero

CAXIAS DO SUL

Após a primeira temporada no NBB, o Caxias chega mais experiente à nona edição. Vindo da Liga Ouro de 2015, a equipe gaúcha foi aos playoffs, chegou a vencer a primeira partida contra o tricampeão Brasília, mas acabou derrotado. Depois de ser destaque na campanha de acesso à principal divisão do basquete brasileiro, e ficar uma temporada no São José, o ala-pivô Arthur Bernardi voltou ao Caxias. Além de ser um dos responsáveis na temporada 2015 da competição de acesso, Arthur chegou a treinar com a seleção para o Pan-Americano, mas não ficou no grupo que disputou o torneio.

Último NBB: Playoff; perdeu para o Brasília nas 8as
Preparação para o NNB9: Gaúcho; Copa Universo (amistoso)
Entradas: Bruno (ala, ex-Franca); Fred (armador, ex-Ginástico); Arthur Bernardi (ala, ex-São José); Rech (pivô, ex-Sport) e Buboltz (Ala, ex-Limeira)
Saídas: Gustavinho (armador, Cearense); Betinho (ala/armador, Campo Mourão); Alex (ala, Brasília) e Diego

Elenco:
Armador: Vinícius, Fred, Gabriel
Ala-Armador: Buboltz
Ala: Douglinhas, Bruno, Guto, Stabile, Jonas
Ala-Pivô:  Dida, Arthur, Rubinho
Pivô: Marcão, Rech

Principal jogador: Arthur Bernadi
Expectativa: Playoffs
Títulos do NBB: zero

CAMPO MOURÃO

Campo Mourão está em festa. Mesmo perdendo a final da Liga Ouro de 2016 para o Vasco, a equipe paranaense vai jogar o NBB 9 nesta temporada. O motivo foi a desistência do São José, o que abriu caminho para o time preto e amarelo jogar pela primeira vez em sua história o NBB. Ao alcançar o principal torneio do basquete brasileiro, o Campo Mourão mudou seu escudo, seu uniforme e se reforçou. O ala-armador Betinho é o principal jogador da equipe, além dos dois americanos Brown e Montgomey.

Último NBB: Não disputou
Preparação para o NNB9: Paranaense
Entradas: Cauê (armador, ex-São José); Greg Brown (armador, ex-Saint Francis University); Betinho (ala/armador, ex-Caxias do Sul); Jordan Montgomery (ala, ex-Union University); Atilio (pivô, ex-Rio Claro); Renan Leichtweis (pivô, ex-Vitória)
Saídas: Alexey (armador, Franca)

Elenco:
Armador: Cauê, João Felipe, Greg Brown
Ala-Armador: Betinho, Solano, Taddei
Ala: Willian, Jordan Montgomery, Júnior
Ala-Pivô: Leandro, Wesley, Raul, Douglas Nunes
Pivô: Atílio, Diego, Romário

Principal jogador: Betinho
Expectativa: Briga contra o rebaixamento
Títulos do NBB: zero


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget