Até quando, Zé Ricardo?

O Flamengo novamente se salvou nos acréscimos graças a falha de Júlio Cesar.

Guerrero durante Flamengo x Fluminense - Foto: Alexandre Loureiro/Getty Images
BRUNO VOLOCH: E o Flamengo segue se distanciando do pelotão da frente, perde mais dois pontos e aos poucos vai se despedindo do campeonato brasileiro.

É cedo?

Não, é tarde.

Tarde para fazer mudanças no comando técnico.

O Flamengo novamente se salvou nos acréscimos graças a falha de Júlio Cesar. Caso contrário, o time de medalhões perderia o clássico para os garotos do Fluminense.

O peruano Trauco, autor do segundo gol, foi um dos melhores do Flamengo.

A pressão continua no grande. Vinícius Júnior que o diga.

O menino poderia ter decidido o jogo aos trinta segundos só que preferiu rolar de lado quando deveria ter tocado por cima do goleiro do Fluminense. Depois, naturalmente sumiu.

Por falar em goleiro quando a diretoria vai se tocar que o Flamengo precisa de um?

Ainda na defesa Rever continua jogando por ele e pelo experiente e lento Juan.

E Conca? O que dizer? Ou seria melhor não dizer nada?

O 2 a 2 foi justo numa partida que o Flamengo não merecia perder e foi favorecido pela arbitragem.

Quinta-feira o Flamengo pega a Chapecoense na Ilha do Urubu.

E aí, Zé?

Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget