Campanha do Corinthians não serve de muleta para o Flamengo

Com esses índices nenhum dos três estaria em primeiro lugar em qualquer um dos certames anteriores.

Éverton Ribeiro durante Flamengo x Palmeiras - Foto: Buda Mendes/Getty Images
MAURO CEZAR PEREIRA: Há quem aponte a campanha acima da média feita pelo Corinthians (83,3% de aproveitamento) como justificativa para a distância de Flamengo (58,3%), Palmeiras (54,2) e Atlético (41,7%) em relação à liderança. No entanto, o histórico do Campeonato Brasileiro mostra que com esse desempenho nenhum dos três jamais lideraria o Campeonato Brasileiro em 16 rodadas, desde que passou a ser disputados por 20 clubes em pontos corridos. Confira!

Pior desempenho em 16 rodadas é melhor do que o do trio Fla, Palmeiras e Atlético em 2017
Nenhum dos três mais badalados times antes de começar o campeonato alcança aproveitamento na casa dos 60% após 16 aparições. Os piores líderes no mesmo número de jogos tinham 64,6%, bem acima do trio. Fica evidente que a espetacular e inédita campanha corintiana não serve de pretexto para os fracos desempenhos de Flamengo, Palmeiras e Atlético. Com esses índices nenhum dos três estaria em primeiro lugar em qualquer um dos certames anteriores.

Em tempo: o campeão brasileiro com mais baixo índice de aproveitamento foi o Flamengo em 2009. Na ocasião o time levantou a taça com 67 pontos ganhos, ou seja, 58,8%, também superior ao que o badalado trio conseguiu até aqui. Cobranças por melhores resultados partindo de torcedores rubro-negros, palmeirenses e atleticanos são, sim, pertinentes. Nenhum dos três pode utilizar o sucesso do Corinthians como muleta.



Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget