Diego já pode ser considerado um ídolo no Flamengo?

Sem fugir das cobranças, o jogador sempre aparece para dar explicações aos torcedores após um resultado negativo.

Diego, do Flamengo - Foto: Divulgação
GOAL: A última quinta-feira (20) foi especial para Diego. O meia, que decidiu trocar o Fenerbahçe da Turquia pelo "Mais Querido", completou um ano na Gávea, e a pergunta que fica é: o jogador já pode ser considerado um ídolo pela torcida?

Recepcionado por centenas de rubro-negros no Aeroporto Santos Dumont em julho de 2016, o meia já chegou com grande status e vem correspondendo toda a expectativa gerada sobre ele.

Considerado o maestro da equipe, Diego não só orienta os seus companheiros, como também dá assistências e chama a responsabilidade para si. Sem fugir das cobranças, o jogador sempre aparece para dar explicações aos torcedores após um resultado negativo.

Prova disso, foi na última quarta-feira. Depois de desperdiçar um pênalti que poderia ter garantido a vitória do Flamengo sobre o Palmeiras - o duelo terminou empatado em 2 a 2 -, o jogador não fugiu das perguntas e assumiu que cobrou mal. Além do mais, foi abraçado pelos rubro-negros presentes na Ilha do Urubu, tendo o seu nome gritado.

No que diz respeito a títulos, o camisa 35 conquistou o Campeonato Carioca e ainda busca um feito de maior expressão pelo clube. No Campeonato Brasileiro de 2016, ajudou o rubro-negro a ser terceiro colocado, enquanto na Copa Libertadores, sofreu uma lesão ainda na fase de grupos e desfalcou a equipe, que foi eliminada pelo San Lorenzo, da Argentina, ainda na fase de grupos.

Fato mesmo é que Diego está cada vez mais nos braços da torcida por conta do seu desempenho dentro e fora de campo com a camisa do Flamengo, e ele tem tudo para se tornar um grande ídolo caso mantenha essa postura. A torcida agradece.


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget