Faltou inspiração ao Flamengo

O nosso Zé Ricardo, em noite de pouquíssima inspiração, com alterações confusas que deixaram o time completamente vulnerável.

Geuvânio chutando em Flamengo x Grêmio - Foto: Gilvan de Souza
KLEBER LEITE: Tirando Rafael Vaz e Éverton, e aí, incluindo o treinador, a falta de inspiração foi geral. No primeiro tempo, o Flamengo só foi Flamengo nos cinco minutos finais. Não é que tenha sido inferior ao Grêmio, apenas foi aquém, muito aquém do que o torcedor esperava.

O gol do Grêmio, com todo respeito, muita sorte no bate rebate, e quando precisamos de um goleiro para pegar uma bola mais difícil, não tivemos e só teremos se alguém muito bom for contratado.

No segundo tempo, o início foi até bom, só que a sorte não ajudou, com todas as finalizações terminando em cima do jovem e bom goleiro do Grêmio.

O nosso Zé Ricardo, em noite de pouquíssima inspiração, com alterações confusas que deixaram o time completamente vulnerável. E não deu para entender como Damião não foi substituído.

Noite profundamente infeliz…

Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget