Guerrero desabafa contra a arbitragem: "Duas faltas e dois gols"

Não sei mais o que fazer. Vou ver com a diretoria do Flamengo para reclamar. Toda hora fazem falta, não cobram...

Guerrero durante Flamengo x Palmeiras - Foto: Buda Mendes/Getty Images
GLOBO ESPORTE: Paolo Guerrero deixou a Ilha do Urubu inconformado com Jailson Macêdo Freitas. O peruano, autor de um gol e uma assistência no 2 a 2 com o Palmeiras, afirmou que sofreu faltas nos dois lances que terminaram com bola na rede dos visitantes e sequência de faltas de Mina.

Guerrero terminou a partida com cinco faltas recebidas. Na saída de campo, o atacante mostrou as marcas no corpo, reclamou da proposta de jogo do Palmeiras e adiantou que irá conversar com a diretoria para cobrar uma atitude.

- Belisca toda hora, faz falta, juiz não cobra... (Quem fez isso?) O Mina... Eu falei para ele, pode me ver... Puxa, faz falta, não cobra. Não entendo, de verdade. Complica a gente, eles fizeram dois contra-ataques e dois gols. Fico chateado, porque p.... a gente se mata no campo, os caras não querem jogar, só querem fazer falta para matar contra-ataques. Quero ver com a diretoria do Flamengo para reclamarem. Não é futebol - disse Guerrero em entrevista ao canal Premiere.

Guerrero lamentou o estilo de jogo do Palmeiras, que abusou das faltas e falou que futebol é para ser jogado no chão.

- Entendo que falta tática, mas futebol tem que jogar no chão, bola limpa, vamos embora

Com o segundo empate seguido no Brasileirão - o terceiro jogo sem vitórias -, o Flamengo permaneceu na quarta posição na tabela de classificação, com 25 pontos. No sábado, às 19h (de Brasília), o Rubro-Negro encara o Coritiba, na Arena da Ilha.


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget