Pelo Flamengo, Diego volta à Vila Belmiro para jogo decisivo

É o jogo mais importante dos cariocas após a decisão do Campeonato Estadual e a queda precoce na Copa Libertadores.

Diego e Lucas Lima durante Flamengo x Santos - Foto: Buda Mendes/Getty Images
UOL: A quarta-feira (26) será especial para Diego. Treze anos depois de iniciar uma longa temporada no futebol europeu, o meia volta à Vila Belmiro pela primeira vez em um momento de definição para o Flamengo na temporada. O segundo duelo pelas quartas de final da Copa do Brasil é o jogo mais importante dos cariocas após a decisão do Campeonato Estadual e a queda precoce na Copa Libertadores.

O hoje camisa 35 da Gávea foi formado no Santos e despontou para o futebol a partir de 2002, quando se sagrou campeão brasileiro ao lado do amigo Robinho. Pelo clube da Vila Belmiro, Diego também somou a conquista do nacional de 2004, ainda que tenha se transferido para o Porto-POR durante a competição.

Foram 133 jogos e 38 gols com a camisa alvinegra. A última apresentação aconteceu em 20 de junho de 2004. Na ocasião, o Santos bateu o Internacional por 3 a 0, na Vila Belmiro, em partida válida pela 10ª rodada do Brasileirão. Diego se despediu aos 19 anos com status de ídolo e repatriá-lo sempre foi o objetivo das diretorias que passaram pelo Peixe.

O sonho, no entanto, jamais foi realizado. O talentoso meia ainda passou por Werder Bremen-ALE, Juventus-ITA, Wolfsburg-ALE, Atlético de Madrid-ESP e Fenerbahçe-TUR antes de chegar ao Flamengo e se transformar em referência quase que de forma instantânea.

Diego nunca escondeu o respeito ao Santos e seus torcedores. No ano passado, o meia assinalou um dos gols da vitória rubro-negra por 2 a 0, no Maracanã. Ele fez questão de comemorar com os flamenguistas. Jogar na Vila Belmiro, porém, será diferente de tudo para ele. Inegavelmente, voltar às origens depois de tantos anos mexe com o jogador.

Mas Diego não tem muito tempo para as lembranças. O momento do Flamengo é de definição na temporada. O clube busca ao menos um título de expressão em 2017 e garantir a vaga nas semifinais da Copa do Brasil é praticamente um caminho obrigatório.

Para isso, o meia foi poupado do compromisso no fim de semana. A comissão técnica deseja que esteja nas melhores condições possíveis para ajudar o Flamengo a avançar. Como venceu o primeiro jogo por 2 a 0, o Rubro-negro pode até perder por um gol de diferença para se classificar diretamente.

Se balançar as redes uma vez na Vila Belmiro, o time de Diego pode até sofrer três gols que ainda assim avança na Copa do Brasil. Neste caso, apenas uma derrota por goleada - a partir de 4 a 1 - será capaz de eliminar os cariocas. Em caso de triunfo do Santos por 2 a 0, a vaga será decidida nos pênaltis.

No meio da necessidade de confirmar a classificação, Diego terá o reencontro com a sua história pela frente. Obviamente, o momento ficará guardado na memória. Apesar de voltar à Vila Belmiro, o camisa 35 só espera que a noite seja rubro-negra.

Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget