"Quando se organizar, vai ser difícil bater o Flamengo", diz Muricy

O ex-treinador reforçou que deposita confiança no trabalho profissional da gestão comandada pelo presidente Eduardo Bandeira de Mello.

Muricy Ramalho, ex-técnico do Flamengo - Foto: Gilvan de Souza
SPORTV: Dono de 32 pontos, ou nove a mais que o segundo colocado do Brasileirão, o Corinthians lidera com folga no topo da tabela, mas já vê o Flamengo engatar uma arrancada que pode, no mínimo, deixar o técnico Fabio Carille de olhos abertos. Ex-treinador do Rubro-Negro, o comentarista Muricy Ramalho destacou que o Timão precisa manter sua regularidade na competição para não ver o rival carioca aparecer demais "no retrovisor".

- Corinthians está muito equilibrado e a chance é grande de ganhar o título. A não ser agora caso se desfaça de algum jogador. Vem a janela, e tem um plantel grande. É um time muito regular, muito certinho (...) Corinthians tem que manter essa regularidade, se não o Flamengo vai chegar. Esse negócio do começo do ano de quarta força, terceira força, tirou um pouco da pressão do Corinthians. Aí jogou como sempre jogou, com Tite, Mano, e Carille agora. Ali quietinho, atrás da bola, bem armadinho e jogando no erro do adversário. Foi crescendo e crescendo. Tirou a pressão do Corinthians - disse no "Bem, Amigos!".

Apesar da eliminação precoce na Libertadores, o Flamengo tem um futuro promissor pela frente, afirmou Muricy. Tendo trabalhado com os atuais administradores do clube, o ex-treinador reforçou que deposita confiança no trabalho profissional da gestão comandada pelo presidente Eduardo Bandeira de Mello.

- O Flamengo vai com certeza, nesses anos que vem pela frente, ser muito difícil de ser batido. Eu tinha convites de times grandes e que estavam melhor em estrutura. Muito melhor. Muitos me perguntam porque eu tinha escolhido o Flamengo, porque era um desastre a estrutura. Era porque os caras são sérios e vão se organizar e o Flamengo vai ser muito difícil de ser batido. Essas pessoas que estão no Flamengo são organizadas, todas as áreas são profissionais. Tem o Rodrigo Caetano, presidente, o Fred Luz. Só tem gente boa. Não tem como errar. Esse é o problema do futebol brasileiro, a gestão. Com uma gestão profissional dessas do Flamengo, só pode dar certo – disse.

Corinthians e Flamengo se encaram pela 17ª rodada do Brasileirão, na arena alvinegra, no final de julho. O próximo compromisso do Rubro-Negro é diante do terceiro colocado Grêmio, na Ilha do Urubu, nesta quinta-feira, às 19h30 (de Brasília), pela rodada 13. O Timão enfrenta o clássico contra o Palmeiras, um dia antes, na arena alviverde, às 21h45.


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget