Relembre a passagem de Éverton Ribeiro no Corinthians

A contratação realizada pelo Flamengo por 6 milhões de euros fez com que o Timão lucrasse cerca de R$ 523 mil.

Foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians
GLOBO ESPORTE: Depois de se destacar no Coritba, foi no Cruzeiro que Éverton Ribeiro virou protagonista e figura importante na conquista de dois títulos brasileiros. Agora no Flamengo, o camisa 7 se prepara para um reencontro com parte de sua origem. Há 10 anos, ele subia para os profissionais do Corinthians como lateral-esquerdo. No entanto, jamais conseguiu ter sequência de oportunidades no Parque São Jorge.

O Flamengo visita o Corinthians neste domingo, às 16h. O Timão é líder absoluto do Brasileirão, com 40 pontos. O Rubro-Negro aparece na quarta colocação, com 28 pontos. Antes do confronto deste domingo, o GloboEsporte.com lembra como foi o capítulo corintiano da carreira do meia.

CHEGADA AOS PROFISSIONAIS:

Éverton Ribeiro chegou ao Parque São Jorge no início dos anos 2000, ainda nas categorias de base. Atuava no início da carreira como lateral-esquerdo. Foi nessa posição que ganhou títulos na base e disputou a Copa São Paulo de 2007, num time que contava com Lulinha e Dentinho, jogadores da base que tiveram mais chances do que ele no profissional. A efetivação no time de cima aconteceu com o técnico Paulo César Carpegiani, em abril daquele ano.

PRIMEIRO ANO DISCRETO E EMPRÉSTIMO

Em 2007, Éverton Ribeiro participou de apenas oito jogos pelo Timão, que acabaria rebaixado ao fim do Campeonato Brasileiro. Foi comandado ainda por José Augusto e Nelsinho Baptista no Brasileirão . Em 2008, com a chegada de Mano Menezes, ele acabou emprestado ao São Caetano para ganhar experiência. Somava, na época, 19 jogos pelo Timão, que passava por uma renovação do grupo.

DE NOVO, SEM ESPAÇO

Um ano depois, em 2009, Éverton Ribeiro seguiu fora dos planos do Corinthians. Por isso, teve empréstimo renovado com o Azulão. Isso mesmo depois de ter conquistado o Sul-Americano Sub-20 com a seleção brasileira.

ADEUS PRECOCE

Ele saiu do Corinthians com 21 anos, quando foi negociado com o Coritiba por R$1 milhão em 2011, após ser liberado pelo então treinador Tite. Em entrevistas posteriores, disse que o gaúcho lhe pediu desculpas no ato de sua liberação, por não ter conseguido utilizá-lo no elenco. O Timão havia acabado de ser eliminado na primeira fase da Libertadores e passava por uma reformulação para o Brasileirão, que acabou sendo conquistado pela equipe paulista.

AINDA RENDE AOS COFRES

Vendido há seis anos pelo Corinthians, o meia rubro-negro ainda rende dinheiro aos cofres do clube. Há quase dois meses, a contratação realizada pelo Flamengo por 6 milhões de euros (aproximadamente R$ 22 milhões) fez com que o Timão lucrasse cerca de R$ 523 mil.

Isso acontece graças ao mecanismo de solidariedade da Fifa, que estabelece que os clubes que formam os atletas dos 12 aos 23 anos têm direito a receber até 5% de futuras negociações.

Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget