Após se livrar de expulsão, Pimpão pede desculpas a Berrio

Ontem, no clássico com o Flamengo, pela Copa do Brasil, houve uma disputa de bola com o Berrío, na qual eu acabei chegando um pouco atrasado.

Carrinho de Pimpão em Berrio durante Botafogo x Flamengo - Foto: Reprodução
Ontem, no clássico com o Flamengo, pela Copa do Brasil, houve uma disputa de bola com o Berrío, na qual eu acabei chegando um pouco atrasado no lance e, no contato, ele acabou sentindo e espero que não tenha sido nada grave. Gostaria de deixar claro a todos que em momento algum fui com intenção de machucá-lo, até mesmo por não querer levar o cartão, pois sabia que mesmo um amarelo iria me deixar de fora da próxima partida. Infelizmente isso é coisa de futebol, acontece coisas do tipo. Em nove anos de carreira nunca agredi/machuquei nenhum companheiro de trabalho, nunca foi do meu feitio. Quem me conhece, sabe a forma que me entrego dentro de campo e não desisto de uma bola sequer. Um exemplo claro é o meu último gol, que marquei na Libertadores.

Explano também que, após o jogo, procurei o Berrío para me desculpar e explicar o lance; Ele concordou e me entendeu, ficando assim tudo resolvido entre nós.

Na próxima quarta, dia 23, será o jogo decisivo e estarei na torcida pelo Fogão e pela paz entre as torcidas, dentro e fora do Maracanã.

Rodrigo Pimpão


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget