Berrío deixa para trás primeira impressão no Flamengo

O drible que abriu o caminho para a vitória sobre o Botafogo mostrou o contrário. E tirou um peso das costas do colombiano.

Berrio em Flamengo x Botafogo - Foto: Gilvan de Souza
EXTRA GLOBO: O tempo costuma negar as máximas do futebol, e o veloz Berrío precisou ter paciência para se firmar no Flamengo depois de causar uma primeira impressão ruim. As atuações na Libertadores indicaram um atacante com potência e velocidade, mas sem tanta intimidade com a bola. O drible que abriu o caminho para a vitória sobre o Botafogo mostrou o contrário. E tirou um peso das costas do colombiano.

A boa relação com o técnico Reinaldo Rueda, que o comandou no Atlético Nacional na Colômbia até ano passado, deu-lhe mais confiança a arriscar a jogada que já havia feito no seu país. Depois do jogo no Maracanã na quarta-feira, o atacante foi bastante festejado pelos torcedores e amigos e lembrou de lances parecidos.

O velocista gahou mais pontos e será arma certa na decisão da Copa do Brasil diante do Cruzeiro. Por outro lado, precisará brigar por posição no time no Brasileiro. Especialmente com Éverton Ribeiro e Vinícius Júnior. No dia seguinte ao lance marcante no Maracanã, Berrío curtiu a folga com a mulher e a filha. Adaptado ao Rio e ao Flamengo, começa a fazer valer o alto investimento. O técnico Rueda que o diga.

— É um jogador que eu já o conhecia, sempre foi um profissional 500%, pela entrega. O encontrar aqui é uma grande alegria e satisfação, e é positivo tudo que ele aporta para a equipe — avaliou Rueda.

Com Zé Ricardo, Berrío teve dificuldade. Sobretudo no início. Ao chegar como contratação de peso, recebeu críticas depois de uma estreia empolgante. O jogador chegou a fazer trabalhos físicos específicos para adquirir o ritmo ideal para a sequência de jogos. Mas nunca se firmou com o ex-treinador e era tratado como opção de segundo tempo. Agora, ganha status de homem de confiança do novo comandante. Os meses no Flamengo também lhe deram mais proximidade aos jogadores do elenco. Com a dificuldade do idioma, se junto a Cuéllar e Mancuello. E recebeu elogios de Guerrero pela jogada.

- Grande jogada do Berrío, é um jogador muito potente - disse o peruano.

Diego prometeu pagar um jantar depois do gol. Agora, o camisa 28 está é com fome de bola.



Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget