Dois técnicos resistiram a um Brasileirão pelo Flamengo desde 2003

Depois de Muricy, os técnicos com mais campeonatos inteiros são Luxemburgo (seis), Abel Braga (cinco – pode completar seis esse ano).

Luxemburgo, ex-técnico do Flamengo - Foto: Celso Avila
FUTEBOL EM NÚMEROS: Desde o início dos pontos corridos, apenas dois técnicos conseguiram ficar no comando do Flamengo do início ao fim do Brasileirão: Caio Júnior, em 2008 (5º colocado), e Vanderlei Luxemburgo, em 2011 (4º colocado). Com a demissão do técnico Zé Ricardo, o rubro-negro chega a 13 edições desde 2003 com trocas de treinadores durante a competição, igualando a marca do Atlético-PR.

Desde 2003 até esse 1º turno de 2017, o Cruzeiro é o clube que mais vezes conseguiu permanecer com o mesmo técnico em uma única edição – oito vezes. Na sequência, aparece o Corinthians, com sete, seguido por Fluminense e Santos (seis), Botafogo, Palmeiras e Grêmio (cinco), Goiás, Coritiba, Inter e São Paulo (quatro), Atlético-MG (três) e Avaí, Ponte Preta, Sport, Flamengo e Vasco (duas cada).

Entre os técnicos, o recordista é Muricy Ramalho, que terminou nove edições inteiras (quatro pelo São Paulo, duas pelo Santos, duas pelo Inter e uma pelo Fluminense). Muricy, aliás, é o único técnico do São Paulo que conseguiu ficar o campeonato todo desde 2003. Depois de Muricy, os técnicos com mais campeonatos inteiros são Vanderlei Luxemburgo (seis), Abel Braga (cinco – pode completar seis esse ano) e Mano Menezes, Celso Roth e Tite, sendo que Mano pode completar cinco esse ano.

Clubes que mais vezes conseguiram manter o técnico durante o Brasileiro todo desde o início dos pontos corridos (2003):




Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget