Para Eric Faria, ano do Flamengo já é melhor que do Palmeiras

Já é possível dizer agora que o ano do Rubro-Negro foi melhor que o do Alviverde, na opinião do comentarista Lédio Camorna.

Foto: Reprodução
SPORTV: Dois dos clubes que mais investiram para 2017, Palmeiras e Flamengo estão fora da Taça Libertadores e ocupam a quarta e a quinta posição no Brasileiro, distantes do líder Corinthians. Apesar de ter caído mais cedo no torneio continental, já é possível dizer agora que o ano do Rubro-Negro foi melhor que o do Alviverde, na opinião do comentarista Lédio Camorna.

O jornalista destaca que o Flamengo está na semifinal da Copa do Brasil e ainda tem a Copa Sul-Americana em disputa, além do título carioca. Também lembrou que, em casa, o Rubro-Negro fez bons jogos na Libertadores, como na goleada sobre o San Lorenzo, o que não fez o Palmeiras na sua opinião.

- Hoje já dá para dizer que o ano do Flamengo é melhor que o do Palmeiras. Tem um título, a campanha do Flamengo na Copa do Brasil é melhor que a do Palmeiras. A campanha no Brasileiro é muito parecida. E, mesmo no cenário trágico da Libertadores, o Flamengo fez jogos mais consistentes que o Palmeiras (...) Em nenhum momento da Libertadores, o Palmeiras conseguiu ser consistente. A maneira como ganhou do Jorge Wilstermann em casa, depois perdeu fora. A gente esperava mais. Você não vai ganhar tudo, mas tem que estar mais forte - disse o comentarista, no "Seleção SporTV".

O apresentador Marcelo Barreto acredita que, apesar do alto investimento, o Palmeiras errou ao trocar Eduardo Baptista por Cuca, em maio. O jornalista lembrou que, após a sua chegada, o novo treinador pouco escalou Felipe Melo e Borja, as duas principais contratações para a temporada.

- A gente não pode pensar que o dinheiro compra tudo. Você não pode acredita que, porque você comprou um monte de jogador bom, você pode mandar um técnico embora, trazer o do ano passado, para assumir um trabalho com jogadores que ele não queria. Porque não teve nada mais evidente que o Cuca olhou para o Felipe Melo e para o Borja e disse: Não quero esse e não quero esse. Ficou evidente para todo mundo. Ele chegou dizendo que não gostava das duas principais contratações do ano. Gastar um monte de dinheiro e fazer besteira continua não dando certo.

O repórter Eric Faria, da TV Globo, concorda que o alto investimento não significa necessariamente que um time terá sucesso. Além disso, lembrou que o Palmeiras chegou a ser comparado com grandes times europeus após as contratações.

- O problema é que, quando um clube brasileiro investe muito, nós mesmos da imprensa criamos uma expectativa altíssima para esse time, que vai ganhar tudo, ser supertime, Dream Team, galáticos do Brasil. Teve gente comparando o Palmeiras ao Real Madrid, ao Barcelona, ao Bayern de Munique. Todos nós caímos nesse erro, e a gente acaba criando uma expectativa, botando o sarrafo lá em cima.


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget