Para Xavier, Daronco expulsou Muralha por Carli já estar pendurado

Anderson Daronco não mostrou amarelo para os dois jogadores, porque assim apenas o zagueiro do Botafogo acabaria expulso.

Alex Muralha, do Flamengo, sendo expulso contra o Botafogo - Foto: Reprodução
SPORTV: Em jogo de pouca inspiração, Botafogo e Flamengo ficaram no 0 a 0 no estádio Nilton Santos, pela primeira partida da semifinal da Copa do Brasil. O jogo ficou marcado pela expulsão de Muralha e Carli, aos 33 minutos do segundo tempo, pelo árbitro Anderson Daronco. O goleiro rubro-negro saiu para defender, levantou o pé e se embolou com o zagueiro alvinegro. Mas, na opinião do apresentador Tiago Maranhão, não deveria ter havido nem o amarelo para os dois jogadores.

- Eu não vejo lance para cartão para nenhum dos dois. Para mim, seguiria. Talvez uma bronca, talvez o Muralha tenha entrado um pouco forte. Mas não teve violência para cartão vermelho. Acho que houve um exagero por parte da arbitragem - disse Tiago Maranhão, no "Troca de Passes".

O comentarista Carlos Eduardo Lino acredita que, se o árbitro não tivesse marcado nada, o jogo transcorreria normalmente.

- Se esse lance passa batido, o árbitro não dá cartão e o jogo segue, a gente nem ia lembrar dele. Quando o lance passa desse jeito, é evidente que o árbitro errou. O Muralha tem uma proteção natural, do jogador que pula, vai agarrar a bola e não tem como se proteger. Ele levanta o pé. A escola do velho goleiro dizia que era para fazer isso. Hoje, a arbitragem já pune um pouco mais. Mas não com uma expulsão.

Para o comentarista Sérgio Xavier Filho, o cartão amarelo que o zagueiro Carli já tinha recebido por reclamação, aos 13 do segundo tempo, influenciou na decisão do árbitro. Na sua opinião, Anderson Daronco não mostrou amarelo para os dois jogadores, porque assim apenas o zagueiro do Botafogo acabaria expulso.

- A ideia original, conhecendo um pouco o Daronco, era dar dois amarelos. Como um dos dois jogadores já estava amarelado, ele ficou naquela: "Eu vou equilibrar".

Flamengo e Botafogo voltam a se encontrar na próxima quarta-feira, no Maracanã. O Alvinegro vai à decisão com um empate com gols ou uma vitória. O Rubro-Negro precisa vencer, por qualquer placar. Outro 0 a 0 leva a decisão para os pênaltis.


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget