"Virou comum o Vasco cair e sofrer pra subir", diz Casagrande

O técnico teve a decisão de aceitar o convite do antigo rival questionada pelo comentarista e ex-jogador Walter Casagrande no "Troca de Passes".

Zé Ricardo sendo apresentado por Eurico Miranda, Presidente do Vasco - Foto: Paulo Fernandes
SPORTV: Ex-treinador do Flamengo, Zé Ricardo não chegou a ficar 20 dias desempregado e nem precisou sair do Rio de Janeiro para assumir um novo cargo: sai a Gávea, entra São Januário. Apresentado pelo Vasco na sexta-feira, o técnico teve a decisão de aceitar o convite do antigo rival questionada pelo comentarista e ex-jogador Walter Casagrande no "Troca de Passes". 

- Existem coisas que não havia necessidade de se fazer em algum momento, e essa é uma delas, essa escolha. Claro que você escolhe o que você quiser, mas sair do rival para ir para o outro faltando três meses para terminar um campeonato, acho que não havia necessidade disso. No caso do Vasco, ele tem que tomar cuidado. Foram três rebaixamentos, está começando a ficar nesse giro... na última vez que subiu, ano passado, já não subiu tranquilo. Está começando a ficar um giro perigoso. Começou a ficar comum ser rebaixado e a não subir com facilidade. Começa a se colocar como time que sobem e caem, e o Vasco não é isso. Tem que se preocupar com mais coisas, não só com a fuga do rebaixamento - afirmou.

O comentarista André Loffredo concorda com Casão e considera o "sim" de Zé ao Vasco arriscado a pouco mais de três meses do término do Campeonato Brasileiro.

-  Estou do lado de quem acha que não deveria pegar (o cargo), é arriscado para a carreira dele, um momento muito ruim do Vasco (...) Me preocupa a falta de recursos que ele tem para desenvolver o trabalho dele, recurso técnico mesmo. Nesse momento, esse grupo do Vasco, entre todos os times que estão na zona de rebaixamento e brigando contra é o que parece mais focado e mais determinado em entrar e ficar nela. Vamos ver se ele consiga modificar alguma coisa para que o time se recupere - disse.

Substituto de Milton Mendes, Zé Ricardo foi apresentado na sexta-feira, mas ainda não estará à frente do time no clássico com o Fluminense, neste sábado, às 16h, no Maracanã - o time será comandado por Valdir. A estreia do treinador será contra o Grêmio, no dia 10 de setembro.


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget