A filantropia do Sócio-Torcedor do Flamengo

Já ouvi tanta promessa vazia, de mudança do programa que perdi as esperanças.

Programa Nação Rubro-Negra, Sócio-Torcedor do Flamengo - Foto: Divulgação
PRIMEIRO PENTA: Dani Souto

Sou sócia torcedora do Flamengo, há algum tempo. Sou OFF Rio e, por motivos óbvios, o meu plano é o mais barato, o Sócio Tradição. Não compro ingressos porque não vou a jogos do Flamengo e o desconto ofertado em loja oficial, por exemplo, não compensa ser usado por causa do frete cobrado.  Se o programa do sócio torcedor é ruim para quem está no Rio e usufrui do maior benefício que ele tem, que é o desconto dos ingressos, imagina para quem está no Rio Grande do Norte e que além de não ter que comprar ingresso, também não tem nenhuma experiência, que é uma coisa tão falada que poderia ser utilizada para OFF RIO mas...

Ontem teve jogo do Flamengo no Rio de Janeiro, na Arena da Ilha. Eu e mais 2 sócios torcedores (eles têm plano raça) decidimos ir ao jogo depois do café da manhã. Era umas 10h da manhã. Não fomos porque o sócio torcedor não vende ingresso no dia do jogo. Para comprar, tinha que ir num local longe do estádio. O maior benefício que o programa dá para torcedores não está disponível para os seus sócios. Desculpa, mas não há explicação plausível para isso.

Procurei ingresso para o jogo de quarta-feira, na Ilha do Urubu com ônibus que fizeram divulgação tempos atrás. O jogo é a noite e nem sou doida de passar naquela linha vermelha e amarela sozinha num Uber. Não consegui comprar o ingresso e muito menos o ônibus. Mais uma vez, o maior benefício do Sócio Torcedor não está disponível. Entendeu o por quê da filantropia?

E olha que nem estou citando a venda de ingresso para o jogo da final da Copa do Brasil. Na fila do pão dos ingressos, o Socio Torcedor Tradição está mais perto dos torcedores comuns do que do plano acima dele no programa. Até entendo o motivo mas a falta de prestígio é maior do que esse meu entendimento.

Teve uma época que eu me estressava com a falta de benefícios do ST. Aí coloquei na cabeça que é uma relação filantrópica, não de consumidor. Só que tem dias que emputece. Como hoje.

Já ouvi tanta promessa vazia, de mudança do programa que perdi as esperanças. Muda VP de marketing do Flamengo, muda gerente e a minha sensação de filantropia não muda. E, acreditem, isso é vergonhoso para um programa que pode ser MUITO MAIS do que é.

Saudações!


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget