Adeus, Marcinho! Cuéllar é eleito o melhor de Flamengo x Chape

Muita entrega e marcação. Camisa 26 assumiu a condição de titular com Rueda e de quebra abriu o placar de perna esquerda na Ilha do Urubu.

Cuéllar, jogador do Flamengo - Foto: Gilvan de Souza
LANCE: O Flamengo passou fácil pela Chapecoense nesta quarta-feira, na Ilha do Urubu, ao vencer por 4 a 0 e garantiu a vaga nas quartas de final da Copa Sul-Americana. Os destaques da vitória foram o colombiano Cuéllar, o zagueiro Juan e o peruano Guerrero. Confira as avaliações do LANCE!

FLAMENGO

6,5
Diego Alves
A Chapecoense chegou em algumas oportunidades com Penilla e só não marcou porque o goleiro estava atento. Boas defesas e intervenções.

6,0
Pará
O camisa 21 não teve muito trabalho na parte defensiva e no ataque foi mais tímido que o normal. Atuação segura, sem comprometer.

6,5
Réver
Bem nos cortes e ganhou praticamente todas as jogadas de Wellington Paulista, que não levou perigo ao gol de Diego Alves.

7,5
Juan
Em grande fase, camisa 4 é muito preciso nos cortes e nos desarmes. Para coroar o bom momento, deixou sua marca após rebote de Jandrei.

5,5
Trauco
Lateral ganhou nova chance de começar jogando, mas teve dificuldades com Penilla. Apesar disso, distribuiu bons passes ao longo do jogo.

8,0
Cuéllar
Muita entrega e marcação. Camisa 26 assumiu a condição de titular com Rueda e de quebra abriu o placar de perna esquerda na Ilha do Urubu.

6,5
Willian Arão
Volante voltou a ter boas atuações e mais uma vez marcou com a camisa do Flamengo. Camisa 5 tem se entendido bem com Cuéllar.

6,5
Diego
Com a camisa 10, o meia ditou o ritmo do meio-campo e fez bem a ligação entre a defesa e o ataque. Mostrou entrosamento com Everton Ribeiro.

6,0
Berrío
Muita entrega. Pela direita, deu trabalho para Diego Renan e levou perigo para a Chape quando partia na arrancada.

7,5
Everton Ribeiro
Pela esquerda, se apresentou bem para o jogo e foi muito efetivo com belos passes para os companheiros durante os noventa minutos.

7,0
Guerrero
Só faltou o gol. Peruano participou de todos os lances perigosos do Flamengo na partida. Se movimentou muito e infernizou os adversários.

5,5
Gabriel
Entrou no lugar de Berrío, mas não foi muito acionado. Arriscou um chute de esquerda, mas acabou sendo bloqueado.

6,5
Lucas Paquetá
Entrou no fim substituindo Paolo Guerrero mas ainda sim teve tempo para deixar a sua marca após um bolão de Everton Ribeiro.

Vinicius Jr
Entrou no fim e não teve tempo para ser eficaz.

6,5
Reinaldo Rueda
Fez com que os seus comandados tivessem um bom rendimento e não passou sufoco em nenhum momento contra a Chapecoense.

CHAPECOENSE

5,0
Jandrei
Tentou salvar a Chape, mas não evitou os gols do Flamengo.

5,0
Apodi
Bem abaixo do esperado. Subidas foram anuladas por Cuéllar.

4,5
Douglas Grolli
Falhou muito e deu espaços para o ataque do Flamengo.

5,0
Fabrício Bruno
Não se entendeu com Grolli e também foi mal no jogo.

4,5
Diego Renan
Assim como todo sistema defensivo, esteve muito mal. Berrío encontrou facilidade para atacar.

5,5
Lucas Marques
Se movimentou bem e tentou algumas jogadas na frente.

5,0
Moisés Ribeiro
Muito pilhado. Discutiu bastante e jogou pouca bola.

4,0
Lucas Mineiro
Esteve escondido em campo, participação foi quase zero.

6,5
Penilla
Melhor da Chape. Arriscou jogadas individuais e incomodou a defesa.

5,5
Arthur Caike
Se entendeu com Penilla, mas não teve a mesma intensidade.

5,0
Wellington Paulista
Encontrou dificuldades para sair de Réver e Juan.

5,0
Luiz Antônio
Entrou, mas não agregou muito ao jogo da Chapecoense.

4,5
Julio Cesar
Entrou no lugar do melhor da equipe e ficou apagado.

Alan Ruschel
Entrou no fim.

4,5
Emerson Cris
Sua equipe não jogou bem e ainda mexeu mal.


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget