Cavalieri quer fim de jejum contra o Flamengo: "Tem peso enorme"

O fim do jejum contra o Fla e a consequente classificação servirá como motivação para o Flu terminar o ano de maneira positiva, acredita Cavalieri.

Foto: Nelson Perez
LANCE: Para avançar na Copa Sul-Americana, o time do Fluminense precisa fazer o que ainda não fez em 2017: vencer o Flamengo. Foram sete clássicos nesta temporada, com quatro empates e três derrotas do Tricolor das Laranjeiras.

A equipe de Abel Braga, no entanto, esteve na frente do placar em sete oportunidades neste Fla-Flus. Na visão de Diego Cavalieri, são detalhes que estão separando o Tricolor do resultado positivo no duelo com o Rubro-Negro.

- Difícil falar o que fazer diferente. Em nenhum jogo eles tiveram o domínio absoluto. Foi sempre equilibrado. Não vai mudar esse panorama. São detalhes que fazem a diferença - afirmou o camisa 12 tricolor.

Com a derrota de 1 a 0 na ida, o Fluminense precisa vencer para avançar à semifinal da Copa. O 1 a 0 a favor do Flu leva a decisão para os pênaltis, enquanto qualquer outro triunfo dá a vaga à equipe comandada por Abel.

O Flamengo, por sua vez, tem a vantagem do empate na Sul-Americana.

O fim do jejum contra o Fla e a consequente classificação servirá como motivação para o Flu terminar o ano de maneira positiva, acredita Cavalieri.

- Tem um peso enorme. Avançar de fase nos traz alegria e para o torcedor. É um grande rival. Assim como a classificação no Equador. A pressão vem aumentando e passar num jogo desse porte traz alívio - avaliou Cavalieri, sem esquecer a luta contra o rebaixamento no Campeonato Brasileiro:

- Se a vaga não vier, no sábado já temos outra pedreira (Botafogo). É um mês de decisão. Luta, equilíbrio e consciência de que temos de sair desse quadro.


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget