Clássicos rendem lucro ao Flamengo. Últimos jogos na Ilha, não

Ou seja, se o público do clássico contra o Vasco for bom, o Flamengo não terá prejuízo como vem acontecendo na Ilha do Urubu.

Foto: Gilvan de Souza
LANCE: Obrigado a voltar ao Maracanã no clássico contra o Vasco, o Flamengo está insatisfeito. Por medidas de segurança, a CBF acatou recomendações da Polícia Militar e do Ministério Público para que o jogo não fosse marcado para a Ilha do Urubu. O Rubro-Negro argumenta, com embasamento, que terá de arcar com as altas taxas para jogar no Templo do Futebol. No entanto, isso não necessariamente será ruim em termos financeiros.

ENTENDA:

Nos últimos jogos que mandou na Ilha, o Fla teve prejuízo. Contra o Avaí, o público pagante foi de apenas 8.032, com renda de pouco mais de R$ 290 mil. No fim das contas, o saldo financeiro foi negativo: quase R$ 80 mil. Já diante do Sport, o rombo foi ainda maior: R$ 118 mil negativos.

Recentemente, como mandante no Maracanã, o Flamengo encarou o Fluminense, com um público de 32.747 pagantes e renda de R$ 1.240.835,00. O aluguel do estádio custou R$ 250 mil e as despesas alcançaram uma marca altíssima: R$ 1.214.229,86. Por isso, restaram apenas R$ 25.673,96 de renda líquida para ser dividida entre os dois clubes.

No duelo contra o Botafogo, na semifinal da Copa do Brasil - ou seja, uma partida de grande apelo - o público foi de 47.573 pagantes e a renda atingiu praticamente R$ 3 milhões. As despesas foram de R$ 1.813.828,68, e o líquido restante foi de R$ 936.496,91.

Ou seja, se o público do clássico contra o Vasco for bom, o Flamengo não terá prejuízo como vem acontecendo na Ilha do Urubu. Ainda que as taxas sejam altas e desagradem o Rubro-Negro, o resultado pode ser melhor financeiramente.

QUANTO CUSTA

O mínimo que o Flamengo paga à Odebrecht para jogar no Maracanã é R$ 400 mil (250 mil de aluguel mais 150 mil de água e luz). Este valor, porém, pode chegar a 850 mil a depender da renda.

BANDEIRA RECLAMA E PERGUNTA: 'QUEM VAI PAGAR?'

O presidente rubro-negro, Eduardo Bandeira de Mello, soltou o verbo para reclamar da mudança de local do clássico contra o Vasco. Ele lembrou dos custos para atuar no Maracanã.

- O Flamengo é o único time que não tem direito de mandar o jogo no seu estádio. Jogamos no campo do Vasco, enquanto o segundo será em campo neutro. No Maracanã, as taxas são altas e eu quero saber quem vai pagar - indagou o mandatário rubro-negro.


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget