Cuéllar se consolida como o maior acerto de Rueda no Flamengo

O jogador teve propostas para deixar o Flamengo no meio do ano. O clube exigiu uma compensação financeira e não liberou o volante.

Cuéllar, jogador do Flamengo - Foto: Gilvan de Souza
EXTRA GLOBO: A espera foi longa, mas a recompensa veio rápido. Depois de um ano e meio aguardando para ter sequência de jogo no Flamengo, o volante Cuéllar assumiu de vez a posição de titular no time de Reinaldo Rueda, e já tem alguns dos melhores números no Brasil para sua posição. O colombiano atingiu a melhor média de desarmes sem perder a característica de saída de bola e condução do time ao ataque. Em 39 partidas, 30 como titular, foram 114 roubadas de bola. São 3,74 desarmes a cada jogo inteiro.

A ofensividade está retratada nos passes certos. Cuéllar é quem mais vai bem no quesito dentro do elenco rubro-negro. A média é de 95,6%, com 54 passes certos por partida, de acordo com o site “Footstats”. Números que o fizeram ganhar a confiança de Rueda tão logo o treinador substituiu Zé Ricardo. Com o antecessor, o volante era preterido por Márcio Araújo, que tinha como principal característica a velocidade de recomposição nos contra-ataques.

Cuéllar chegou no começo de 2016, a pedido de Muricy Ramalho. Começou como titular com Zé Ricardo, mas perdeu espaço. O técnico acreditava que ele e Arão faziam a mesma função. Com Rueda, Arão joga mais adiantado, pela direita, e deixa a saída de bola a cargo do colombiano. A chegada ao ataque tem sido outro ponto positivo dos volantes, e nele Cuéllar também se destaca, com dois gols marcados na temporada.

O jogador teve propostas para deixar o Flamengo no meio do ano. O clube exigiu uma compensação financeira e não liberou o volante, que, após a saída de Zé Ricardo, firmou-se e fez valer o investimento de US$ 2 milhões.


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget