Diego Alves cresce e faz a diferença no Flamengo

O goleiro, que desde o término da Copa do Brasil, engatou uma sequência como titular na meta Rubro-Negra fez e vem fazendo a diferença desde então.

Diego Alves, goleiro do Flamengo - Foto: Gilvan de Souza
GOAL: O Flamengo saiu em vantagem na disputa por uma vaga nas semifinais da Copa Sul-Americana ao derrotar o Fluminense por 1 a 0 no Maracanã, na noite desta quarta-feira (25). Apesar da equipe Rubro-Negra ter atuado mais vibrante que nos últimos jogos, muito do triunfo pode ser colocado na conta de um jogador em especial: Diego Alves.

O goleiro, que desde o término da Copa do Brasil, engatou uma sequência como titular na meta Rubro-Negra fez e vem fazendo a diferença desde então. Na partida contra o Fluminense, nos momentos em que a equipe oscilou e sofreu pressão do Tricolor, lá estava ele seguro e passando tranquilidade aos companheiros.

Foi assim quando defendeu o bom chute de Henrique Dourado que apareceu nas costas do zagueiro para finalizar com firmeza, mas o artilheiro do Brasil na temporada parou nas mãos do goleiro Rubro-Negro. Como todo bom arqueiro, também contou com a sorte em um chutaço de Marcos Junior, na segunda etapa e foi providencial ao parar uma bela tentativa de Gustavo Scarpa.

Jogando na balança, Diego Alves foi mais exigido que Cavalieri na partida e foi importante o jogo seguro que fez principalmente para afastar de vez o terror com os problemas na posição nos últimos torneios disputados pelo Flamengo.

No fim do jogo, Diego Alves explicou o fato de estar sempre falando e gesticulando com os companheiros durante a partida e pediu união entre torcida e jogadores para que o time arranque nesta reta final de temporada.

"A comunicação é importante e dentro de campo as vezes a gente não consegue se comunicar muito, mas eu tento sempre falar com os zagueiros, tentar passar o recado para os jogadores ali da frente. Mostramos uma fortaleza defensiva, o Fluminense veio para cima até porque tinha que correr atrás".

"No passado o Flamengo falhou e eu acho que a gente precisa do torcedor, não é bom para nós sempre voltar nos erros, temos que aprender com os erros e seguir adiante. Nessa reta final, quando tem essa união da torcida com os jogadores eu acho que podemos ter uma coisa boa no futuro", finalizou.

O Flamengo de Diego Alves volta a campo no próximo sábado, no clássico diante do Vasco da Gama, pelo Campeonato Brasileiro. A partida, válida pela 31ª do torneio acontece às 19h00.


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget