Em gráfico, candidato no Vasco nomeia Flamengo como "mulambo"

O gráfico detalhava os valores das marcas dos principais clubes do Brasil, enfatizando que, nos últimos anos, o Vasco vem de uma decrescente.

Foto: David Nascimento
UOL: O candidato de oposição do Vasco Alexandre Campello realizou uma apresentação de seu plano de gestão em um cinema na Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, nesta segunda-feira. Com propostas ousadas, ele detalhou seus projetos para o próximo triênio em caso de vitória na eleição do dia 7 de novembro, mas causou furor mesmo nas redes sociais ao classificar o rival Flamengo como "mulambo" em uma das imagens de Power Point.

O gráfico em questão detalhava os valores das marcas dos principais clubes do Brasil, enfatizando que, nos últimos anos, o Vasco vem de uma decrescente enquanto a maioria dos outros, numa ascendente. Vale ressaltar, porém, que o termo pejorativo não foi pronunciado pelo médico enquanto narrava ao microfone a apresentação.

"É importante começar pensando na marca. Desde 2009 há estudos em relação às marcas das 40 maiores equipes do Brasil, e aí, quando se pensa em marca, há duas coisas intrinsecamente ligadas: como o público te enxerga e como você se comunica com esse público. É fundamental que se trabalhe com inteligência para alavancar a marca e ela cresça. O Vasco ocupa hoje a decima posição. Nosso arquirrival tem uma marca que hoje equivale a quase R$ 1,7 bilhão. O Vasco caiu de R$ 440 milhões para 382 milhões", detalhou no evento transmitido ao vivo no Facebook.

Durante a apresentação, o candidato também divulgou um vídeo de uma paródia do filme "A queda: as últimas horas de Hitler", onde compara o ditador com o atual presidente do Vasco, Eurico Miranda.

O evento ainda dissecou toda a situação financeira do clube, detalhando receitas, dívidas e os projetos para alavancar os cofres cruzmaltinos, como o programa de sócios e os projetos ligados ao marketing. Também destacou a construção de um centro de treinamento através de negociação com a prefeitura do Rio de Janeiro.

Alexandre Campello ainda mantém conversas de unificação com o grupo político de Julio Brant, outro candidato de oposição do Vasco e que tem ideologias mais afinadas com o médico.

O pleito vascaíno ainda conta com os candidatos Eurico Miranda - que busca a reeleição - Fernando Horta e Antônio Fernandes.


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget