Flamengo rebate acusação de ter aliciado jogadores no eSports

Qualquer pessoa que eventualmente venha a agir em nome do Flamengo dessa forma estará cometendo um ato não autorizado.

Felipe Vizeu, do Flamengo, jogando LoL (League of Legends) - Foto: Divulgação
ESPN: A reportagem do ESPN Esports apurou que a Cursor, responsável pela equipe de eSports do Flamengo, foi denunciada por tentativa de aliciamento dos jogadores Gabriel "Kami" Bohm, da paiN Gaming, Gabriel "Revolta" Henud e Felipe "Yang" Zhao (veja aqui).

O Flamengo negou veemente em resposta ao ESPN Esports Brasil:

"Como clube cidadão e ético, o Clube de Regatas do Flamengo afirma que nunca aliciou qualquer atleta de League of Legends hoje pertencente a outras equipes, para a formação de seu próprio time. O Flamengo e a Cursor eSports, nossa parceira no projeto de esportes eletrônicos, têm plena consciência das regras antialiciamento aplicadas neste mercado e irão respeitá-las sempre. Qualquer pessoa que eventualmente venha a agir em nome do Flamengo dessa forma estará cometendo um ato não autorizado e fora das regras dos esportes eletrônicos".


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget