Flamengo tem 1% de título e 76% de chance de ir à Libertadores

Nunca teve tanta vaga. Ir para a Libertadores é ficar entre os sete. São só nove vagas entre essas duas zonas.

Réver, Juan,Diego e Éverton Ribeiro comemorando gol do Flamengo - Foto: Gilvan de Souza
GLOBO ESPORTEFaltando apenas nove rodadas para o fim do Brasileirão e as disputas no topo e no fim da tabela seguem acirradas. Enquanto o Corinthians está tranquilo na liderança, outras sete equipes continuam firmes na briga por uma vaga na Libertadores do ano que vem.

Na zona da degola, nove times tentam fugir do rebaixamento. O matemático Tristão Garcia, do site Infobola, destacou a proximidade entre os clubes que lutam pela vaga na Libertadores e os que fogem do Z-4 nesta edição do Campeonato Brasileiro.

- Não é normal, nunca aconteceu. É que a Conmebol colocou um lance de mestre, ofereceu mais vagas para a Libertadores. Nunca teve tanta vaga. Ir para a Libertadores é ficar entre os sete. São só nove vagas entre essas duas zonas. É capaz de quem escapar do rebaixamento conseguir uma vaga na pré-Libertadores - analisa o matemático.

Chances de título


Na análise dos números de Tristão Garcia, o Corinthians dificilmente perde o título do Campeonato Brasileiro deste ano. Com uma vantagem de nove pontos sobre o segundo colocado, Grêmio, a equipe tem 83% de chances de terminar a temporada erguendo a taça.

- O Corinthians vem se arrastando, mas mesmo se arrastando a vantagem é tão boa que dificilmente ele vai ser alcançado, porque os adversários não estão fazendo números de campeão - afirmou.

Libertadores


Corinthians, Grêmio, Palmeiras e Santos estão muito perto da tão disputada vaga na Libertadores do ano que vem. As equipes têm mais de 95% de chances de carimbar o passaporte para a competição continental. Os cariocas Flamengo, Botafogo e Vasco são favoritos na luta pelas vagas remanescentes.

Rebaixamento


Já na zona de rebaixamento, a disputa segue em aberto. Para Tristão, as quatro vagas para a Série B do ano que vem ainda estão longe de estarem definidas, principalmente olhando para a 18ª e 17ª posições.

- A "nota de corte" segue sendo 47 pontos para não cair. Tem muito time ameaçado, mas não tem ninguém muito ameaçado. É uma disputa aberta, só o campo vai dizer. Claro que Atlético-GO e Avaí estão com uma porcentagem, mas caem quatro. Têm duas vagas muito em aberto. Coritiba e Ponte têm pouco mais de 50%, mas isso é reversível.


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget