"Flamengo teve a chance de matar o jogo e não matou", diz Ceifador

Dourado reconhece que a equipe fez uma primeira etapa ruim, mas cresceu após o intervalo.

Foto: Divulgação
GLOBO ESPORTE: Foram sete jogos contra o Flamengo em 2017. Nenhuma vitória do Fluminense. Quatro empates e três derrotas. A última delas na noite desta quarta-feira, por 1 a 0, no jogo de ida das quartas de final da Sul-Americana. Para Henrique Dourado, porém, o retrospecto negativo não condiz com o que foram os confrontos.

O artilheiro tricolor na temporada lembra que todos as partidas foram marcados pelo equilíbrio (nenhuma derrota foi por mais de um gol de diferença) e confia que o primeiro triunfo contra o rival possa vir, enfim, na partida de volta, no dia 1º de novembro, junto com a vaga.

- Não vencemos o Flamengo ainda este ano. Mas todos os jogos foram difíceis. Se você perguntar do lado deles, com certeza vão dizer que estão enfrentando páreo duro. Em alguns jogos tivemos na frente do placar, mas faltou um pouquinho de experiência, de segurar um pouco a bola.

- Quem sabe essa vitória vem na hora certa, com a classificação. Ainda está em aberto - disse Dourado.

Diferentemente da maioria dos outros Fla-Flus do ano, onde o Tricolor saiu na frente, nesta quarta-feira o Rubro-Negro abriu o placar, com Everton, aos 27 do 1º tempo. Dourado reconhece que a equipe fez uma primeira etapa ruim, mas cresceu após o intervalo.

- Nosso 1º tempo foi bem abaixo. Faltou um pouquinho mais de agressividade. Nosso 2º tempo foi bem diferente, com volume de jogo bem maior. Tivemos algumas oportunidades, mas mesmo assim o Flamengo teve a chance de matar (a classificação) nesse jogo. Mas não mataram. Então quarta-feira que vem vamos buscar essa vitória e a classificação - projetou.

Na semana que vem, o Fla joga pelo empate para se classificar. Uma vitória tricolor por 1 a 0 leva a decisão para os pênaltis. Apesar dos dois jogos serem no Maracanã, o regulamento da Sul-Americana determina o gol fora de casa como critério de desempate. Como o Rubro-Negro é mandante na próxima partida, caso o Flu vença por 2 a 1 em diante, garante a vaga.

Mas antes de pensar no jogo de volta contra o Flamengo, a equipe das Laranjeiras volta as atenções novamente para o Brasilerão. Encara o Bahia no domingo, 17h (horário de Brasília), no Maracanã.

- Temos que virar a chave. Fizemos três partidas em casa e somamos sete pontos. Agora é um concorrente direto, para se distanciar do Z-4. Temos totais condições de fazer um bom resultado. E aí, a partir de segunda-feira, é pensar de novo no Flamengo.


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget