Guerrero diz que não ouviu árbitro falar que falta era de dois toques

Segundo o jogador do Flamengo, ele não ouviu a indicação e "agradeceu" o toque do goleiro Ospina antes de a bola entrar, que permitiu a validação do gol.

Guerrero comemorando gol pela Seleção do Peru - Foto: Divulgação
GLOBO ESPORTE: Herói do Peru por ter marcado no empate contra a Colômbia em a 1 a 1 e garantido sua seleção na repescagem para a Copa do Mundo, Guerrero explicou como foi o momento da cobrança de falta que decidiu a partida. O atacante do Flamengo acabou batendo direto apesar da marcação de lance indireto do árbitro Sandro Meira Ricci. O jogador disse que estava concentrado, não ouviu a indicação e "agradeceu" o toque do goleiro Ospina antes de a bola entrar, que permitiu a validação do gol.

- Não escutei o árbitro. Não escutei nada. Disse a Christian (Cueva) que ia bater direto. Tinha pensado nisso porque venho cobrando as faltas no meu clube. Só estava focado nisso. Talvez por isso não escutei. Cueva me disse que era indireto, mas não escutei. E, graças a Deus, tocou em Ospina - disse Guerrero em conversa com os jornalistas em Lima.

A vitória sobre a Colômbia teria dado ao Peru a classificação direta à Copa do Mundo. No entanto, a ida à repescagem contra a Nova Zelândia manteve os peruanos com esperanças, e Guerrero garantiu que a equipe estará na Rússia em 2018.

- Creio que podíamos ter feito um pouco mais contra a Colômbia. Gostaria de ter ganhado e classificado diretamente a Rússia. Mas, agora, estou otimista. Iremos ao Mundial (...) Vejo um grupo comprometido, que aponta para o mesmo objetivo. Daremos tudo - afirmou.

O jogador do Flamengo ainda pediu que o futebol peruano aproveite o momento para criar uma base sólida e não depender de alguns lampejos para ir à Copa do Mundo. Desde 1982, o Peru não disputa um Mundial.

- Não só lutamos para essas eliminatórias, nem para estar na Copa do Mundo. Para isso é preciso mais trabalho nas divisões de base. É um trabalho social. Esperamos que nos próximos anos também possamos lutar para estar em um Mundial e não passemos por essa dura etapa de 36 anos sem estar lá.

Guerrero não estará em campo pelo Flamengo nesta quinta-feira contra o Fluminense pelo Campeonato Brasileiro por compromissos comerciais no Peru. O atacante ainda pode desfalcar os rubro-negros em mais algumas rodadas por conta das partidas contra a Nova Zelândia na repescagem, que acontecem nos dias 6 e 14 de novembro.

Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget