Há dois meses no Flamengo, Rueda ainda não mostrou a que veio

Não cobrar o comandante por seus erros é outro erro em um ano recheado de erros do departamento de futebol do Flamengo.

Reinaldo Rueda, técnico do Flamengo - Foto: Alexandre Schneider/Getty Images
GOAL: Ao contratar Reinaldo Rueda para comandar o Flamengo no meio da temporada, a diretoria Rubro-Negra sabia da necessidade do novo comandante em conhecer o elenco e entender a filosofia no futebol brasileiro. Apesar disso, quando se troca de comando o objetivo é exclusivamente melhorar, algo que não vem acontecendo no time carioca.

Desde que chegou, o treinador colombiano ainda não conseguiu definir um time titular e surpreende de forma negativa em algumas escalações. Como contra o São Paulo, no último domingo (22). Rueda abriu mão dos 45 minutos iniciais, o que custou a derrota do Flamengo que segue completamente irregular na temporada.

Rueda garantiu que a ideia de começar o jogo com Geuvânio no comando do ataque e Everton Ribeiro e Everton pelos lados era buscar profundidade, não deu certo e para quem vem acompanhando o Flamengo não seria difícil perceber que tinha tudo para dar errado.

Com respaldo da torcida, Rueda chegou ao clube com três competições, uma delas com chance real de título, mas acabou perdendo a decisão para o Cruzeiro na Copa do Brasil. No Brasileirão, a distância para o líder sequer o fez pensar em taça, mas G-4 sempre foi mais que realidade, obrigação. Na Sul-Americana, o Rubro-Negro começa a luta por uma vaga na semifinal nesta quarta-feira (25), contra o Fluminense.

Diante disso, Rueda, em momento nenhum chegou para planejar 2018, já que o Flamengo tinha e ainda tem objetivos muito claros para esta temporada, por tanto, não cobrar o comandante por seus erros é outro erro em um ano recheado de erros do departamento de futebol do Flamengo.



Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget