Joias de Flamengo e Vasco decidem e classificam a Seleção sub-17

Aos dez, Lincoln aproveitou rebote após cobrança de falta e, de cabeça, abriu o placar - marcando o seu segundo gol na competição.

Lincoln, jogador da Seleção Brasileira sub-17 - Foto: Mike Hewitt - FIFA/FIFA
LANCE: após contundente vitória na estreia, o Brasil entrou em campo para encarar a Coreia do Norte, nesta terça-feira, pela segunda rodada do Grupo D do Mundial sub-17. A esperada goleada não veio, mas a Seleção Brasileira fez a sua parte e, com gols de Lincoln e Paulinho (novamente, assim como diante da Espanha), venceu por 2 a 0, em Kochi, na Índia.

A Espanha, mais cedo, fez a sua parte e goleou Níger, por 4 a 0. Como os espanhóis e os norte-coreanos têm três pontos cada e se enfrentam na última rodada, o Brasil já está garantido na próxima fase. O último jogo da chave será contra os africanos, dia 13, em Goa.

O JOGO

O primeiro tempo foi marcado pelo amplo domínio das ações da Seleção Brasileira. Muitas trocas de passe, uma participação efetiva de Alan, camisa 10 e jogador do Palmeiras, porém faltou criatividade para abrir o marcador. A imensa posse de bola (quase 80%) só proporcionou perigo real à Coreia em duas ocasiões. Ambas com Paulinho, joia do Vasco, que finalizou com força de fora de área e, depois, de letra, parou no goleiro Sin.

Na segunda etapa, o panorama mudou. Conforme o esperado, o time comandado por Carlos Amadeu desencantou. E com gols de jogadores cariocas. Aos dez, Lincoln aproveitou rebote após cobrança de falta e, de cabeça, abriu o placar - marcando o seu segundo gol na competição.


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget