Pikachu diz que duelo contra o Flamengo dá uma 'motivação a mais'

Com 43 pontos, o Vasco está na oitava colocação do Brasileirão, apenas uma atrás do Flamengo, que tem 46.

Foto: Divulgação
FUTEBOL INTERIOR: Vencer o maior rival, ultrapassá-lo na tabela de classificação, assim, e entrar na zona de classificação à próxima edição da Copa Libertadores. Estas são algumas das motivações do Vasco, de acordo com o meia/lateral-direito Yago Pikachu, para o clássico contra o Flamengo, neste sábado, no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, pela 31.ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Nesta quinta-feira, logo após o treinamento realizado no Complexo de São Januário, o jogador conversou com a imprensa e falou sobre a oportunidade de disputar um dos jogos de maior rivalidade no futebol mundial. Garantiu que o Vasco possui plenas condições de deixar o estádio do Maracanã com uma vitória neste final de semana.

"É uma motivação a mais, temos oito jogos até o fim do campeonato e estamos próximos do objetivo. Essa partida pode definir muita coisa. Temos que ter tranquilidade, não ir no desespero, pois sabemos que enfrentaremos uma equipe qualificada. Uma vitória contra eles nos colocará numa situação confortável dentro do Brasileiro. Jogar um clássico é diferente, a semana começa de uma outra forma. Com Zé (Ricardo, técnico) conhecendo praticamente toda equipe do Flamengo, isso nos ajuda em algum ponto, mas não quer dizer que teremos vida fácil no jogo", afirmou Yago Pikachu.

DE OLHO NA LIBERTA

Com 43 pontos, o Vasco está na oitava colocação do Brasileirão, apenas uma atrás do Flamengo, que tem 46 e ocupa a última posição dentro da faixa de classificação à Libertadores. Para o clássico, Zé Ricardo não terá à sua disposição o zagueiro Breno, expulso contra o Coritiba. O substituto ainda não foi anunciado de forma oficial, mas a tendência é que Paulão comece jogando.

Ao ser perguntando sobre o desfalque, Yago Pikachu elogiou o provável substituto e lembrou que o Flamengo também não contará com peças importantes.

"A gente lamenta muito a ausência do Breno, estava numa sequência boa. Mas toda vez que o Paulão jogou foi muito bem e dessa vez não será diferente. Tem a confiança do treinador e do elenco todo. Acompanhamos o adversário e vimos que Rever pode não ter condições de jogo. Guerrero também pode não jogar. Costumo sempre dizer que no futebol são 11 contra 11 dentro de campo e todos vão querer dar seu melhor", disse.

"Vamos procurar neutralizar as principais jogadas deles, principalmente com o (Willian) Arão, que sempre aparece de surpresa na área. Quando tivermos a bola, nossa estratégia é de jogar um pouco mais no campo adversário. Não ter desespero e pressa para definir as jogadas. Precisamos trabalhar mais no campo de ataque para envolver o adversário", concluiu Yago Pikachu, falando sobre a forma do Vasco enfrentar o Flamengo.


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget