Advogados de Guerrero entram com pedido de contraprova na Fifa

A defesa do atleta pode solicitar a audiência ou o painel do comitê pode fazer o pedido.

GLOBO ESPORTE: A defesa de Paolo Guerrero tomou a primeira medida para evitar uma grave punição por uso de substância proibida. Os advogados recentemente contratados por ele pediram à Fifa a abertura da amostra B, conhecida como contraprova, também recolhida após o jogo entre Argentina e Peru, pelas eliminatórias da Copa do Mundo.

Paolo Guerrero, atacante do Flamengo - Foto: Buda Mendes/Getty Images
- Estamos aguardando a abertura dessa contraprova e a apresentação do resultado analítico do exame. Houve uma conversa com o atleta, mas por enquanto tudo está no início. Não há mais muito o que falar nesse momento - explicou o advogado Bichara Neto, que ao lado de Marcos Motta assumiu a defesa de Guerrero.

O jogador terá a oportunidade de apresentar seus argumentos ao Comitê de Disciplina da Fifa e pode até mesmo ir à Suíça. Isso, entretanto, não é ocorre em todos os casos. A defesa do atleta pode solicitar a audiência ou o painel do comitê pode fazer o pedido.

Guerrero foi suspenso por 30 dias pelo Comitê Disciplinar da Fifa. O centroavante teve um resultado analítico adverso no exame antidoping após a partida contra a Argentina, pelas eliminatórias da Copa do Mundo, pelo uso de Benzoilecgonina, principal metabólito da cocaína. Segundo especialistas ouvidos pelo GloboEsporte.com – que não quiseram se identificar –, a substância aparece em exames antidoping não somente por utilização da droga, mas também por ingestão de alguns chás considerados medicinais. Muitos são utilizados em países como Peru e Bolívia, por causa da altitude.


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget