Após choro em campo, Farfán se emociona por Guerrero: ''Me dói''

Antes mesmo do jogo de ida na Oceania, já havia a promessa de dedicar o triunfo para o jogador do Flamengo.

GLOBO ESPORTE: A classificação da seleção peruana para a Copa do Mundo depois de 36 anos emocionou todo o país. Muitas lágrimas de alegria tomaram conta do Estádio Nacional de Lima na noite desta quara-feira. Mas para quem abriu o caminho para o triunfo por 2 a 0 sobre a Nova Zelândia, a emoção também trazia também um vazio.

Jefferson Farfán comemorou o primeiro gol com a camisa do amigo de infância, Paolo Guerrero. Depois da vaga na Rússia e de toda a festa no estádio, o atacante voltou a se emocionar ao falar do companheiro.

Foto: Divulgação
- É meu amigo de infância que gosto muito. Eu prometi que ia dedicar a classificação para ele. Quando diz o gol, o único que veio na minha cabeça foi Paolo. Dedicamos todos a vaga no Mundial - disse Farfán.

Farfán e Guerrero são amigos desde as categorias de base do Alianza Lima. Foram promovidos juntos para o time principal e são muito próximos desde então. Antes mesmo do jogo de ida na Oceania, já havia a promessa de dedicar o triunfo para o jogador do Flamengo.

- Me dói muito tudo que está acontecendo com ele. Queria que estivesse ao meu lado, lutando por nossa seleção. Esperamos que resolva logo a questão que esteja junto conosco no Mundial.

Nos dias que antecederam o jogo, a Federação Peruana de Futebol evitou que o tema Paolo Guerrero tirasse o foco da seleção no jogo decisivo. Apesar desta blindagem do assunto, também foram feitas homenagens ao capitão antes e depois do jogo.

Todos os atletas peruanos usaram camisas especiais no aquecimento. Nela, havia a foto do camisa 9 e uma mensagem de apoio: ''Força, Guerrero''.

Nos minutos finais do jogo, o carinho veio das arquibancadas. Todo o estádio gritou o nome de Paolo Guerrero. Questionado se o gol na repescagem foi o mais importante de sua carreira, Farfán voltou a citar o camisa 9.

- Sim, é. Não somento pelo gol, mas também porque foi para uma pessoa muito especial. Isso é o que mais me alegra - completou.

Guerrero: "O sonho se tornou realidade"

Guerrero testou positivo para benzoilecgonina, principal metabólito da cocaína, em exame antidoping realizado após o jogo entre Peru e Argentina, no mês passado. A partida era válida pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018. Por causa disso, a Fifa suspendeu o atleta por 30 dias preventivamente. Após a classificação, o camisa 9 também se manifestou pela classificação.

- O sonho de todos se tornou realidade, hoje mais unidos do que nunca. Estamos na Rússia - disse Guerrero, em post no Facebook.


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget