Defesa de Guerrero diz que exame do cabelo descartou cocaína

O atacante continua impedido de atuar pelo Flamengo e pela seleção peruana, que disputa com a Nova Zelândia uma vaga na Copa do Mundo de 2018.

GLOBO ESPORTE: A estratégia da defesa de Paolo Guerrero está praticamente pronta para o julgamento marcado para o dia 30 de novembro, na Suíça. Os advogados dizem contar com alguns resultados importantes de exames realizados no Brasil e no Canadá a partir de amostras do cabelo do jogador, que descartariam a possibilidade de o peruano ter feito uso de cocaína.

Os representantes de Guerrero já teriam a confirmação do laboratório brasileiro e, agora, estão aguardando o mesmo resultado após análise de um laboratório canadense.

Foto: Reprodução
A complexa estratégia dos advogados parte da convicção de que não houve consumo de droga. Além disso, estão certos de que o chá ingerido pelo jogador, após análise dos resultados anteriores durante o antidoping (prova e contra-prova), estaria contaminado.

Guerrero segue para a Europa no dia 25. Até o julgamento, o atacante continua impedido de atuar pelo Flamengo e pela seleção peruana, que disputa com a Nova Zelândia uma vaga na Copa do Mundo de 2018.

O Caso

Guerrero testou positivo para benzoilecgonina, principal metabólito da cocaína, em exame antidoping realizado após o jogo entre Peru e Argentina, no mês passado. A partida era válida pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018. Por causa disso, a Fifa suspendeu o atleta por 30 dias preventivamente.

Segundo a defesa, o metabólito benzoilecgonina - presente na cocaína - e encontrado na urina do centroavante do Flamengo é proveniente da folha de coca utilizada para chá consumido em diversos países da América do Sul. Os advogados apontam contaminação em um outro tipo de chá ingerido pelo jogador.

A Fifa marcou o primeiro julgamento do caso para o dia 30 de novembro, na Suíça. Guerrero deve comparecer.


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget