Flamengo mantém expectativa para Guerrero enfrentar o Grêmio

A carga de treinos vai aumentando para sentir a reação do atacante, que, por enquanto, responde bem às práticas.

Guerrero na academia do Flamengo - Foto: Gilvan de Souza
GLOBO ESPORTE: Classificado para as semifinais da Sul-Americana - após empate por 3 a 3 com o Fluminense, no emocionante jogo de volta da Sul-Americana -, o Flamengo espera o vencedor do confronto entre Junior Barranquilla e Sport - com vantagem para os colombianos. Neste domingo, porém, as atenções estão totalmente voltadas para o Grêmio e para... Guerrero.

Sem atuar pelo Flamengo desde a vitória sobre o Bahia - há 14 dias, na Ilha do Urubu, ele saiu lesionado aos 14 minutos de partida -, o peruano participa de mais um treino de transição física nesta tarde de quinta-feira. A carga de treinos vai aumentando para sentir a reação do atacante, que, por enquanto, responde bem às práticas.

A expectativa na comissão técnica e no departamento de futebol é positiva para Guerrero atuar no próximo domingo, em Porto Alegre. O treino desta sexta, com o grupo completo - os que atuaram nessa quarta-feira folgam nesta quinta -, vai ser determinante para o peruano se garantir na delegação que embarca para a capital gaúcha no sábado.

Guerrero deve participar de treino com campo mais aberto para testar os esforços de jogos. Se não sentir nada e trabalhar normalmente com os companheiros, ele viaja para Porto Alegre.

Quem fica fora do jogo no Rio Grande do Sul é o zagueiro Juan. Ele deixou o campo aos 24 minutos do segundo tempo no Fla-Flu dessa quarta-feira. Depois de três clássicos, o veterano de 38 anos foi reavaliado nesta tarde. A avaliação inicial de que não havia lesão gerou maior tanquilidade no Fla. Mas ainda vai passar por nova análise nesta sexta, 48 horas depois da partida.

O jogador saiu, pois sentiu desconforto muscular, que será tratado nos próximos dias. Em nota, a assessoria de imprensa do clube informou: "o atleta Juan foi reavaliado e iniciou tratamento no CT para aliviar as dores na posterior da coxa direita".

O QUE RUEDA DISSE:


- Não é fácil. Tem que cuidar no dia a dia. Em todos os setores. Com disciplina, ordem, profissionalismo. Paolo (Guerrero) fez um trabalho mais intenso hoje de transição. Falei com ele, quer jogar contra o Grêmio. Está disposto. Vamos ver a situação e quem sabe chegar em bom nível para domingo.


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget