"Vamos torcer para o Rueda não inventar", diz Kleber Leite

E, hoje à noite, no Maraca, seja o que Deus quiser. A vantagem é do Flamengo, mas a vitória do Lanús deve servir de alerta.

Foto: Gilvan de Souza
KLEBER LEITE: . E, hoje à noite, no Maraca, seja o que Deus quiser. A vantagem é do Flamengo, mas a vitória do Lanús deve servir de alerta para que todos entendam que, ninguém deve ter a certeza da vitória, por melhor que seja.

Vamos torcer para o nosso Rueda não inventar. Isto acontecendo, tudo ficará mais fácil, mais simples.

Aliás, a simplicidade, até provem em contrário, é o caminho mais curto e rápido para o sucesso.

. Quando era garoto, o nosso ídolo era o Popeye, marinheiro franzino, cujo combustível para se tornar o homem mais forte do mundo era o espinafre. Pois bem, se o futebol fosse o Popeye, o espinafre seria a incerteza.

E por esta imprevisibilidade o futebol é o mais popular esporte do planeta. Disparado…

Quem viu o jogo entre Lanús e River Plate, na noite de ontem, vai entender perfeitamente o que quero dizer.

No primeiro jogo, no Monumental de Nuñez, River 1 a 0. Ontem, no campo do Lanús, o River chegou fácil aos 2 a 0, ainda no primeiro tempo.

Em síntese, para se classificar para a final, o Lanús precisava fazer quatro gols. E, por incrível que pareça, fez!

Um no finalzinho do primeiro tempo e três no segundo, sendo que o último, com o auxílio do árbitro de vídeo, que confirmou o pênalti.

Enfim, este negócio de dizer que “já vi tudo em futebol”, só mesmo para quem não sabe nada do nosso tema.

O futebol, definitivamente, é mágico!!!

. Com a vitória do Lanús, o Grêmio passando hoje, fará o segundo jogo na Argentina. Se o finalista fosse o River, a final seria em Porto Alegre.

Sei lá, mas acho que o torcedor gremista devia estar torcendo pelo River. Não deve ter acreditado no que viu…



Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget