Árbitro de Flamengo x Independiente já chamou Juan de macaco

Após o jogo, ele expulsou o lateral-esquerdo Juan e foi acusado pelo jogador de ter proferido ofensas racistas

FLAMENGO NOTÍCIA: A Conmebol definiu Wilmar Roldán, da Colômbia, para a grande Final da Sulamericana entre Flamengo e Indenpendiente no Maracanã.

Roldán acumula uma série de problemas em jogos dos times brasileiros, principalmente o São Paulo.

Em 2011, o colombiano apitou a derrota por 2 a 0 para o Libertad, em Assunção, que custou a eliminação do São Paulo na Copa Sul-Americana. Após o jogo, ele expulsou o lateral-esquerdo Juan e foi acusado pelo jogador de ter proferido ofensas racistas.

Jogadores do Flamengo reclamando com árbitro - Foto: Buda Mendes/Getty Images
"No lance em que fui cobrar os três minutos de acréscimo, o árbitro falou para mim: 'Sai daqui, macaco'. E quando eu falei para ele, 'me chama agora de macaco', ele agiu covardemente e me expulsou. Isso que a Conmebol faz é uma brincadeira", denunciou Juan, na ocasião.

Dois anos depois, em março de 2013, em um jogo válido pela Copa Libertadores, Roldán voltou a provocar a fúria dos são-paulinos ao apitar um empate por 1 a 1 com o Arsenal de Sarandí, no Pacaembu. Ele marcou um pênalti controverso para os argentinos, aos três minutos do segundo tempo, e expulsou o atacante Luis Fabiano ao término do confronto.

À época, o centroavante disse que também tinha reclamado do acréscimo desproporcional que Roldán havia dado na etapa complementar. Ele ainda argumentou que o árbitro não tomou nenhuma decisão diante de insultos racistas que haviam partido dos adversários.

"O juiz estava estranho, falando que ia me tirar do jogo. Os jogadores do Arsenal me chamaram de 'macaquito' várias vezes, mas eu não seria idiota de insultar o juiz", justificou o atacante, após a expulsão.



Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget