Brasileirão 2018 terá 11 clubes do Sudeste

Nunca um clube de Santa Catarina havia se garantido na Libertadores pelo Brasileirão. De quebra, a Chape ainda foi campeã do returno.

JORGE NICOLA: A geografia do Brasileirão de 2018 será bem diferente do torneio que acaba de terminar. A começar pela ausência de times do Centro-Oeste, com o rebaixamento do Atlético-GO. Assim, essa região do país se junta ao Norte como únicas sem qualquer representante na elite nacional. Se está faltando para uns, vai sobrar pela primeira vez no Nordeste.

Com o acesso do Ceará e a permanência de Vitória e Sport, que escaparam da degola neste domingo, os nordestinos terão pela primeira vez na história quatro clubes na Série A. São dois baianos (Bahia e Vitória), um pernambucano (Sport) e um cearense (Ceará). Até então, o recorde era de três participantes em oito edições: 2003, 2007, 2008, 2009, 2012, 2013, 2014 e 2017.

Diego em Vitória x Flamengo - Foto: Gilvan de Souza


A região Sul continua com cinco times, apesar das quedas de Avaí e Coritiba. É que Internacional e Paraná voltaram da Série B. Mas a grande novidade se dá pela redução drástica ocorrida nos últimos anos no número de catarinenses. Em 2015, eram quatro (Chapecoense, Figueirense, Avaí e Joinville). Agora, com a queda do Avaí, restará apenas a Chapecoense na primeira divisão em 2018.

E a Chape merece um capítulo à parte. Depois da tragédia que matou 19 jogadores há um ano, o time recusou a sugestão de outros clubes de que não pudesse ser rebaixada neste Brasileirão e conseguiu terminar o campeonato em oitavo – foi sua melhor classificação na história, garantindo a ida para a 1ª fase da Libertadores de 2018. Nunca um clube de Santa Catarina havia se garantido na Libertadores pelo Brasileirão. De quebra, a Chape ainda foi campeã do returno.

A região Sudeste segue dominando a Série A na relação de participantes: são 11, mesmo com a queda da paulista Ponte Preta. É que o América-MG retornou à elite com o título da Série B.

Desta maneira, a mudança mais significativa se dá na presença dos paulistas. Serão apenas quatro (Corinthians, Palmeiras, Santos e São Paulo) – o estado chegou a ter sete representantes em 2004. Desde que os pontos corridos passaram a valer, em 2003, será a 5ª vez que São Paulo terá só quatro clubes na elite, seu pior índice.

MAPA DO BRASILEIRÃO-2018

Por regiões:
– Sudeste: 11 clubes (Corinthians, Palmeiras, Santos, São Paulo, Botafogo, Flamengo, Fluminense, Vasco, América-MG, Atlético-MG e Cruzeiro)
– Sul: 5 (Grêmio, Internacional, Atlético-PR, Paraná e Chapecoense)
– Nordeste: 4 (Ceará, Sport, Bahia e Vitória)

Por estados:
– São Paulo: 4 (Corinthians, Palmeiras, Santos e São Paulo)
– Rio de Janeiro: 4 (Botafogo, Flamengo, Fluminense e Vasco)
– Minas Gerais: 3 (América-MG, Atlético-MG e Cruzeiro)
– Bahia: 2 (Bahia e Vitória)
– Paraná: 2 (Atlético-PR e Paraná)
– Rio Grande do Sul: 2 (Grêmio e Internacional)
– Santa Catarina: 1 (Chapecoense)
– Ceará: 1 (Ceará)
– Pernambuco: 1 (Sport)


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget