Campeão da Libertadores 2018 levará 11 milhões de dólares

Já o vice-campeão ficará com US$ 3 milhões, o dobro dos atuais US$ 1,5 milhão.

RODRIGO MATTOS: A Conmebol vai dobrar o prêmio para o campeão da Libertadores para 2018: o valor passará a ser de US$ 6 milhões. Isso foi decidido no Comitê Executivo da entidade, na segunda-feira, para atender a demandas frequentes dos clubes por aumento de cotas. Campeão na quarta-feira, o Grêmio ainda não será beneficiado pois seu valor já estava definido em regulamento.

Na reunião, a cúpula da Conmebol também deixou acertado que a final da Libertadores para 2018 será com jogos ida e volta. A mudança para partida única só será discutida para o ano seguinte quando haveria dinheiro para remunerar perda dos clubes.

Foto: Divulgação
É justamente para agradar os times que a Conmebol decidiu aumentar as cotas para semifinalistas e finalistas ainda em 2018. O reajuste do contrato da Libertadores, que dobrará de valor, só ocorrerá em 2019, mas a confederação decidiu reduzir o que sobra para seus cofres da competição.

Assim, o prêmio do campeão passará de US$ 3 milhões para US$ 6 milhões. O vencedor do título, portanto, passará a acumular em torno de US$ 11 milhões contra US$ 8 milhões atualmente. Já o vice-campeão ficará com US$ 3 milhões, o dobro dos atuais US$ 1,5 milhão.

Desde o escândalo do caso Fifa, que revelou que ex-cartolas da confederação levavam propinas pela Libertadores, clubes intensificaram a pressão sobre a nova gestão da Conmebol por reajustes nas cotas. Houve um aumento geral, e agora um incremento só para os times das fases finais. A tendência é de novo reajuste em 2019 com o novo contrato da Libertadores com a IMG.


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget