CBF irá testar "substituição" de 10 minutos

GLOBO ESPORTE: O Campeonato Brasileiro Sub-20 do ano que vem terá uma novidade: as substituições temporárias. A medida será adotada para casos após trauma na cabeça. O médico da equipe terá um tempo de 10 minutos para decidir se o jogador deve ou não permanecer no jogo. Enquanto isso, outro atleta entra em campo, o que agiliza a partida e deixa o relógio menos tempo parado. Em entrevista exclusiva ao GloboEsporte.com, o presidente da Comissão de Médicos do Futebol da CBF, Jorge Pagura, adiantou que os testes servirão de modelo para serem implementados também entre os profissionais caso seja aprovado pela FIFA. O funcionamento das substituições será divulgado no regulamento da competição em 2018.

Segundo Pagura, há uma brecha no regulamento do Sub-20 que permite a implementação das mudanças temporárias na partida. Caso o modelo funcione, a ideia será documentada e a "International Football Association Board" - órgão da FIFA que regulamenta as regras do futebol - será notificada.

Foto: Gilvan de Souza
- É um modelo para a gente estudar no futuro para saber se a gente pode propor para a "International Board" uma substituição temporária em casos de concussão. É preciso avaliar para ver se é factível mudar a regra para proteger mais o atleta - afirmou o presidente da Comissão Nacional dos Médicos do Futebol da CBF, Jorge Pagura.

Segundo Pagura, a proposta já está acertada entre a Comissão dos Médicos da CBF e os Departamentos de Competições e Arbitragem do órgão brasileiro. Os representantes dos departamentos ainda não definiram se a substituição temporária poderá ser efetivada caso o clube já tenha realizado as três substituições. Por enquanto, a definição abrange mudanças temporárias para casos até as três substituições regulamentadas na regra do futebol profissional.

- Ainda não se criou a mentalidade que se tem que tirar e avaliar. A gente está tão preocupado que vamos testar no Brasileiro Sub-20. Os atletas têm batida na cabeça e ficam correndo o risco porque já foram feitas as substituições e não podem ser feitas as outras. Se o atleta perdeu a consciência, não tem o que discutir, tem que tirar (o jogador de campo). Mas há casos em que o atleta bate a cabeça, mas não perde a consciência. E 80% das concussões podem não ter perda de consciência. Só que o cérebro está instável. Então, o médico faz umas perguntas para ver como está o funcionamento cerebral (após a pancada na cabeça). Se ele estiver abaixo de um determinado número, ele não volta a campo e fica um outro no lugar dele. Se ele tiver bem e for uma coisa leve, ele pode voltar para o jogo.

Protocolo de concussão na NFL

No futebol americano, uma regulamentação para casos de pancada na cabeça tenta prevenir lesões mais sérias após concussões cerebrais dos atletas. Na NFL, há o chamado “protocolo de concussão”. Toda vez que um jogador sofre uma pancada forte durante um jogo, ele passa a ser avaliado por uma junta médica independente, que decide se o atleta tem condições ou não de voltar para a partida.

Burlar esse protocolo pode gerar uma punição aos times. Não listar a concussão do atleta na semana antes da partida seria uma violação e, caso a NFL confirme o problema, o time pode ser multado e até mesmo perder uma escolha no draft da próxima temporada.

Alemão não se lembra da final da Copa

Há também o caso emblemático do meia alemão Cristoph Kramer na final da Copa do Mundo do Brasil, em 2014. Ele se chocou com o defensor argentino Ezequiel Garay e sofreu uma concussão. O atleta não conseguiu seguir em campo e foi substituído aos 30 minutos do primeiro tempo. De acordo com médicos, o jogador jamais se lembrará do que aconteceu durante os minutos em que defendeu os alemães no jogo decisivo.


Por enquanto, a definição abrange mudanças temporárias para casos até as três substituições regulamentadas na regra do futebol profissional.



Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget