Humilde, César protagoniza roteiro de filme no Flamengo

Mas nunca perdeu a simplicidade. Nesse mesmo dia, César foi abordado por goleiros da categoria de base do Flamengo.

ESPORTE INTERATIVO: A expectativa durante a semana ficou entre qual goleiro seria titular na partida do Flamengo diante do Junior Barranquilla, na última quinta-feira (30), pelo segundo jogo da semifinal da Copa Sul-Americana. Poucas horas antes do duelo, o ​Esporte Interativo informou que o escolhido seria César (depois confirmado na escalação oficial).

Mas, mesmo com Muralha ficando fora até do banco de reservas, a dúvida sobre César reinava. Motivo? O goleiro não entrava em campo em uma partida oficial há quase dois anos - a última tinha sido no dia 6 de dezembro de 2015, pelo Campeonato Brasileiro. A desconfiança era normal, mas o jovem jogador teve noite iluminada, fez defesas difíceis e ainda pegou pênalti.

César, goleiro do Flamengo - Foto: Gilvan de Souza


Criado na Gávea, campeão da Copa São Paulo de Juniores em 2011 e chamado por muitos como o "novo Júlio César", César teve momentos de altos e baixos no Flamengo e foi emprestado duas vezes para ganhar experiência. O Esporte Interativo relembrou a carreira do goleiro no Rubro-Negro.

O começo de tudo:

Em 2011, com um elenco recheado de futuras promessas como Thomás, Negueba e Adryan, César foi "comendo pelas beiradas" e se tornou um dos destaques na conquista da competição, algo que o Flamengo não fazia há 21 anos (a última havia sido em 1990). ​O Rubro-Negro venceu o Bahia na final do torneio por 2 a 1.

O dia da estreia no profissional:

Aos 21 anos, o dia 7 de dezembro de 2013 ficou marcado na história de César: a primeira vez em campo com o time profissional do Flamengo, diante do Cruzeiro, no Maracanã. Durante os 90 minutos, o goleiro mostrou segurança, não se intimidou e fez, pelo menos, cinco defesas difíceis. A grande atuação gerou expectativa nos torcedores e alguns chegaram a sonhar com a formação de um novo Júlio César.

"Estrear no Maracanã era meu sonho, maravilhoso. Antes do jogo, estava com essa ansiedade. Eu e minha esposa ficamos falando sobre isso, oramos juntos. Só tenho que agradecer ao pessoal da comissão técnica, ao Jayme (técnico na ocasião), ao pessoal da fisioterapia".

Exatamente um ano de espera para jogar novamente:

A vida de César, em 2014, no Flamengo, não foi fácil. Sem espaço e oportunidades, o goleiro esperou a temporada inteira e só entrou em campo justamente no dia 7 de dezembro, mesma data da estreia em 2013. Porém, a história dessa vez não foi de sucesso, e o jogador foi expulso e viu o Rubro-Negro empatar em 1 a 1.

O ano das oportunidades:

Se 2014 não foi como César esperava, o mesmo não pode se dizer de 2015. Nesta temporada, o goleiro entrou em campo em 18 oportunidades, obteve dez vitórias e perdeu oito. No total, ele sofreu 21 gols, mas o sucesso esperando não veio.

O começo da queda?

No início de 2016, considerado terceiro goleiro do elenco, o Flamengo emprestou César para a Ponte Preta. A ideia era que o goleiro de 24 anos ganhasse rodagem e experiência, mas não aconteceu e o jogador não entrou em campo (foi relacionado 23 vezes) sequer uma vez com a camisa da Macaca.

Mais uma passagem apagada:

Sem ser aproveitado na Ponte Preta, César foi emprestado novamente pelo Flamengo para um clube de São Paulo, no começo de 2017. Destino da vez? Ferroviária. Mas, de novo, o goleiro voltou a não ter oportunidades ​e entrou em campo apenas uma vez, em um amistoso contra o Corinthians e jogou pouco mais de 20 minutos.

O Flamengo, por outro lado, precisando de goleiro (tinha apenas Muralha e Thiago no elenco), solicitou o retorno de César depois do Campeonato Paulista. De lá pra cá, César "ficou esquecido" pela torcida e sequer ficava no banco de reservas.

Na esportiva:

Na final da Copa do Brasil, no Maracanã, no dia 7 de setembro, quando o Flamengo iria enfrentar o Cruzeiro, por exemplo, a reportagem do Esporte Interativo foi tirar foto de César no estacionamento do estádio, e o goleiro, com muita simpatia, brincou com o repórter: 'Me reconheceu? Claro que pode tirar (a foto)'.

Rotina solitária:

Com ​a contratação de Diego Alves, César ficou esquecido de vez e se tornou a quarta opção na posição. Com isso, não era difícil acompanhar o jovem goleiro treinando sozinho no Ninho do Urubu. No vídeo abaixo, por exemplo, ele estava solitário na atividade.

Mas nunca perdeu a simplicidade. Nesse mesmo dia, César foi abordado por goleiros da categoria de base do Flamengo. Além de tirar foto com os fãs, ele deu o seu par de luvas para o futuro atleta do clube, que se chama Bruno.

Quem espera sempre alcança?

No primeiro jogo da semifinal da Copa-Sul-Americana, contra o Junior Barranquilla, Diego Alves fraturou a clavícula e só volta a jogar em 2018. Na partida seguinte, diante do Santos, Muralha, que já não tinha a confiança da torcida, falhou nos dois gols sofridos e foi execrado pelos rubro-negros. O outro jogador da posição, Thiago, ainda não estava 100% recuperado de uma grave lesão. O que fazer? Rueda recorreu a César.

Roteiro de filme:

O dia do retorno chegou. Depois de muito suspense, a escalação saiu, e o goleiro estava entre os titulares. Logo na primeira oportunidade na partida, já fez boa defesa, recebeu o apoio dos companheiros e mostrou que a confiança tava em alta. O que continuou a acontecer durante todo o jogo.

Em alguns momentos, cãibras na perna, para dar mais emoção a essa história. Aos 42 minutos do segundo tempo, o lance crucial: pênalti para o Junior Barranquila. Chará, destaque do time na bola, mas César, predestinado, pegou a cobrança, se tornou o personagem da noite, e o Flamengo venceu por 2 a 0, os dois marcados por Felipe Vizeu.

Após o jogo, César falou sobre o período sem jogar e o pênalti defendido, que foi determinante no resultado da partida.

"Quando você fica muito tempo sem jogar, a adrenalina é diferente. Por mais que nem sejam tantas bolas, o jogo é diferente. Era natural, e eu já tinha avisado. Sobre o pênalti, eu esperei bastante e fui para o canto que era provável de ele bater"


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget