Kleber Leite critica PM por limitar carga do Maracanã ao Flamengo

KLEBER LEITE: Os momentos que antecedem à decisão de quinta-feira são preocupantes em aspectos completamente distintos. No lado humano, e também profissional, foi uma ducha de água fria a punição de um ano para Guerrero. Não sou um profundo conhecedor desta matéria, mas como leigo e também curioso sobre o tema, fico com a clara sensação de que, “nesta praia” o justo paga pelo pecador.

Tenho um amigo, aliás, queridíssimo amigo, que já conviveu e – graças a Deus – superou esta desgraça de vício, que fez uma colocação pertinentíssima. Disse ele que ninguém começa a experimentar cocaína na idade de Guerrero e, somando-se ainda o fato de que, em toda sua trajetória futebolística, Guerrero jamais foi flagrado no antidoping. A sensação que se tem é que estamos diante de uma “Lei Seca” no mundo esportivo.

Tolerância zero, mesmo para um copo de cerveja, para quem dirige, como para um chá de coca para quem joga futebol.  Claro que podemos debater à vontade, porém de que adianta, se esta postura radical não admite nenhum argumento? Sou a favor do esporte limpo, mas também acho um absurdo se condenar um inocente.

Pelo que ouvi hoje, os dias de Guerrero no Flamengo estão contados, havendo ainda uma remota expectativa de que tenha a pena reduzida a tempo de disputar a Copa do mundo.

E, como a notícia tomou corpo, já apareceram matérias distintas informando as prováveis alternativas do Flamengo para substituir Guerrero. Como acho que não é hora de se falar nisso, e sim, concentrar todas as energias na decisão, vamos ficar por aqui.

Chegou também a informação de que, entre 25 e 30 ônibus chegarão na quarta-feira, pela manhã, trazendo os torcedores do Independiente. A polícia militar já entrou em contato com a Suderj, no sentido de que estes torcedores argentinos tenham a necessária proteção, ficando em local isolado, próximo ao portão 11. Acho bom este tipo de precaução, pois há o forte comentário de que alguns torcedores do Flamengo, que foram ao jogo em Buenos Aires e não foram tratados com civilidade, podem querer ir a forra. Neste jogo, todo cuidado é pouco…

Foto: Gilvan de Souza
E o nosso Zico, coberto de razão, critica a politica adotada – ninguém sabe ao certo por quem – de só se colocar à venda 55 mil ingressos, quando mais de 70 mil poderiam estar à disposição dos torcedores. Além de uma agressão comercial aos cofres do Flamengo, fica no ar uma péssima imagem para o clube e seus torcedores, pois pela transmissão da TV para todo o mundo, vai passar a impressão de que, nem em momento decisivo, a torcida do Flamengo é capaz de lotar o Maracanã. Simplesmente ridículo aqueles espaços vazios e, esta barbaridade vem sendo cometida há um tempão, castigando o clube no bolso e, principalmente na sua imagem. Será que esta medida pode ser atribuída à lei do menor esforço por parte de quem é responsável pelo policiamento e segurança do evento? Acho que é por aí…

Há algo importante, de caráter pessoal, para contar e dividir com vocês, porém necessário é que fique para segunda ou terça. Um lindo final de semana, se é que é possível sem o Flamengo jogando, a todos.

Além de uma agressão comercial aos cofres do Flamengo, fica no ar uma péssima imagem para o clube e seus torcedores.


Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget