Mauro reclama de arbitragem e pênalti marcado para Independiente

UOL ESPORTE VÊ TV: A arbitragem, inclusive a de vídeo, também mereceu críticas de Mauro Cezar, que inclusive cobrou uma melhor avaliação sobre os acréscimos a serem dados no jogo por conta do tempo usado para adoção do auxílio tecnológico. O analista ainda contestou a penalidade marcada para o Independiente, que valeu o empate, resultado necessário para os argentinos assegurarem o título da Sul-Americana.

“Foram cerca de três minutos e meio para cobrar o pênalti por conta da utilização do árbitro de vídeo. Aliás, tem um detalhe interessante: [com à adoção do recurso tecnológico], aumentou o poder do árbitro para fazer o que ele quiser. Quero frisar, acho que o Flamengo não merecia vencer e que se tivesse mais 15 minutos em cada tempo, não faria o gol, por ser um time desorganizado, com problemas e tudo mais, mas o árbitro tem que dar o tempo que tem que dar. Três minutos e meio aproximadamente para bater o pênalti, árbitro de vídeo, [e] pra mim não houve o pênalti e acho impressionante que o cara ainda vendo ali ache que tenha pênalti, um pênalti à brasileira ou à sul-americana, como queiram”, avaliou.


“Houve, ainda, o choque de cabeça do Tagliafico com o Réver, os dois foram atendidos e demorou um bom tempo, também. Só aí você tem uns cinco minutos, mais ou menos, seis, talvez, fora as interrupções normais do jogo, isso no primeiro tempo. Aí no segundo tem o César [recuperando-se de uma quada, chegando a ficar desacordado em campo] e uma porção de substituições e as interrupções normais do jogo. A gente está acostumado com três, quatro, cinco [minutos de acréscimos]. Então, com o árbitro de vídeo, o normal é oito, nove, dez [minutos]”, acrescentou.

“Acho que não adiantaria, mas é um bom e um mau exemplo de como essa tecnologia é utilizada de forma precoce, de qualquer maneira, sem padronização, gerando esse tipo de coisa. É legal, mas deveria ser feita de uma forma mais organizada, inclusive com maior rigor em cima do juiz. Pára o cronômetro, alguém controla isso. Por que o cara que controla o vídeo não tem um maluco lá dentro para falar: ‘Olha, você parou quatro minutos, é obrigado a dar quatro minutos [de acréscimos] agora’?”, questionou Mauro.

Quero frisar, acho que o Flamengo não merecia vencer e que se tivesse mais 15 minutos em cada tempo, não faria o gol, por ser um time desorganizado.



Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget