Torcida do Independiente derruba grade e causa confusão em hotel

O estopim foi quando um grupo que portava cartões de acesso ao hotel conseguiu autorização para passar pelas grades.

GLOBO ESPORTE: A porta do hotel onde o Independiente está concentrado, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro, voltou a ser palco de cenas de violência nesta quarta-feira. Horas antes do jogo de volta da final da Copa Sul-Americana, contra o Flamengo, alguns torcedores do Rojo tentaram invadir o hotel onde o time argentino está.

O motivo foi a impaciência pela espera de ingressos que teriam sido prometidos pela diretoria do clube - segundo o jornal argentino "Olé", são 330 Os torcedores se organizaram em fila fora do bloqueio de grades em volta do hotel Hilton Barra da Tijuca. A espera, porém, foi deixando os fãs irritados pela falta de notícias sobre a suposta carga extra.

Foto: Jorge Natan 
O estopim foi quando um grupo que portava cartões de acesso ao hotel conseguiu autorização para passar pelas grades, mas não pôde acessar o saguão. Um deles se irritou e trocou empurrões com a segurança, o que inflamou os outros torcedores, que começaram a gritar e derrubaram as grades.

Alguns tentaram chegar ao saguão do hotel e foram bloqueados pelo efetivo de segurança. Para dispersar os invasores, um guarda municipal usou uma bomba de efeito moral. Então, todos voltaram às suas posições e foram reprimidos por outros torcedores rojos, que levantaram as grades. Após a confusão, o clima de paz voltou ao local - enquanto os fãs aguardam um posicionamento sobre os aguardados ingressos.

A segurança em volta do hotel onde o Independiente está concentrado está reforçada desde a manhã da última quarta-feira. Somente hóspedes podem passar pelas grades, e até os veículos de imprensa são mantidos fora do perímetro. Ainda assim, as duas confusões envolvendo torcedores ocorreram na calçada do estabelecimento. Oito guardas municipais permanecem na porta do hotel, além de uma viatura da Polícia Militar. Depois da confusão, três viaturas da Polícia Militar chegaram para incrementar a segurança.

Após a vitória por 2 a 1 sobre o Flamengo no jogo de ida, um empate dá o bicampeonato da Copa Sul-Americana para o Rojo. Um triunfo por um gol de diferença do Rubro-Negro leva a decisão para a prorrogação. O jogo de volta é nesta quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), no Maracanã.



Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget