Advogados não creem em reversão da pena do Fla na Conmebol

CORREIO BRAZILIENSE: Dois advogados consultados pelo blog consideram improvável a mudança da pena imposta pela Conmebol ao Flamengo por conta da barbárie no Maracanã, em dezembro do ano passado, na final da Copa Sul-Americana contra o Independiente. A entidade condenou o clube carioca a jogar duas partidas da fase de grupos da Libertadores com os portões fechados e a pagar multa de US$ 300 mil (R$ 958 mil).

O Flamengo pretende recorrer da decisão ao Tribunal de Apelação da Conmebol. Em caso de insucesso, caberá recurso ao CAS (Corte Arbitral do Esporte). Pela decisão atual, o Flamengo é obrigado a receber o River Plate como portões fechado, em 28 de fevereiro, e um adversário que virá da fase preliminar, em 18 de abril — Deportivo Macará, Deportivo Táchira, Independiente Santa Fé, Santiago Wanderes ou Melgar.

Foto: Gilvan de Souza
O advogado brasileiro Eduardo Carlezzo defendeu o Boca Juniors em 2015, quando o time argentino foi excluído da Libertadores devido ao péssimo comportamento da torcida no estádio La Bombonera contra o rival River Plate, pelas oitavas de final.

“O histórico do Tribunal de Apelação da Conmebol é de manutenção das decisões do Tribunal de Disciplina, podendo haver, em casos específicos, pequenas correções. A tendência é de manutenção”, avalia Eduardo Carlezzo.

Especialista no assunto, o advogado chileno Javier Gasman também considera a punição do Flamengo praticamente irreversível. 

“Pela minha experiência, acho muito difícil que o Flamengo tenha êxito no recurso. A Conmebol pune com base na responsabilidade objetiva, e o que aconteceu foi de público conhecimento e de extrema gravidade”, argumenta em entrevista ao blog. “Mas há exceções”, pondera.

Especialista no assunto, o advogado chileno Javier Gasman também considera a punição do Flamengo praticamente irreversível.



Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget