Pietro Baltazar, destaque de 'Vai, Malandra', quer jogar no Flamengo

GLOBO: Nascido em Salvador e criado no Rio de Janeiro, Pietro Baltazar é, aos 20 anos, o nome mais quente da nova safra brasileira de modelos masculinos. Em menos de um ano de carreira, ele já tem no currículo desfiles para a Balmain, em Paris, e um ensaio para a V Magazine, em Nova York – sem contar os trabalhos nacionais, que vão de vento em popa. Integrante da “gangue 212”, projeto realizado pela grife Carolina Herrera em todo o planeta, Pietro conseguiu um espaço na concorrida agenda para vestir as propostas da GQ para o verão nas fotos realizadas em São Paulo, que você vê na seção Manual deste mês.

Depois de descoberto em uma festa na Barra da Tijuca – “Fui porque me disseram que ia ter umas gatinhas”, diz – pelo empresário Sergio Mattos, ele apareceu no clipe da música Vai, Malandra, de Anitta, e ganhou o apelido Justin Bieber do Vidigal por causa dos cabelos descoloridos, sua marca registrada, que têm inspirado muita gente a adotar o visual.

Foto: Ivan Erik
A ousadia foi ideia do próprio, que, durante um trabalho, sugeriu à equipe que mudasse sua imagem de madeixas escuras e encaracoladas.

“Já tinha usado uma vez para um réveillon, de brincadeira, e gostei”, conta. Descontraído, Pietro se diverte com a atenção que o mundo da moda tem lhe dado, mas segue firme com os planos de investir na carreira de jogador de futebol.

Revelado em um projeto da Nike nas favelas do Rio, ele já foi atleta sub-20 do Deportivo Manchego, na Espanha, e do Ituano, no interior paulista. Flamenguista roxo, sonha em defender como zagueiro as cores rubro-negras. Seus ídolos são colegas de posição: os italianos Maldini e Cannavaro, o espanhol Sergio Ramos e o brasileiro David Luís. No dia das fotos para a GQ, Pietro vestia uma camiseta do Paris Saint-Germain comprada antes da ida de Neymar ao clube. “Ele é hors-concours”, admite.

Mas, ao contrário do slogan “ousadia e alegria” tatuado na pele do craque da seleção, é o título de uma música do rapper americano Tupac Shakur que aparece no antebraço do modelo. O refrão de Do for Love diz:

“O que você não faria, faça por amor / Você tentou de tudo, mas você não desistiu”.

Sugestivo e apropriado. E se você pensa que o gosto musical de Pietro se resume a rap e funk, engana-se redondamente. Suas bandas preferidas são, pasme, as britânicas Oasis e The Smiths.

Apesar do bom momento na moda, o baiano conta que gosta mesmo de vestir bermuda de tactel, camiseta e chinelos, mas gostaria de ser fotografado vestindo um smoking. Quem sabe para o próximo Men of the Year, Pietro?

A ousadia foi ideia do próprio, que, durante um trabalho, sugeriu à equipe que mudasse sua imagem de madeixas escuras e encaracoladas.

Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget