Ronaldo diz que volta ao Flamengo para ser titular: "Estou preparado"

Para quem ainda não viu o garoto em campo, ele explicou o que pretende de fazer em campo.

ESPORTE INTERATIVO: O volante Ronaldo chegou ao elenco profissional como uma das grandes promessas das divisões de base do Flamengo. Mas, os apenas cinco jogos no primeiro semestre de 2017 fizeram o garoto, de 21 anos, procurar mais oportunidades no Atlético-GO, em busca de ritmo e, principalmente, mais experiência.

Os meses longe do Rio de Janeiro, segundo o próprio jogador, foram bem aproveitados. Em Goiânia, Ronaldo disputou nove rodadas do último Campeonato Brasileiro, algumas como titular, e volta confiante por mais oportunidades no Rubro-Negro carioca. Ele revelou em conversa exclusiva com o Esporte Interativo.

"Sempre tentei ser o mesmo, no Flamengo ou em qualquer lugar. Os treinos e jogos, encarei como a oportunidade da minha vida. Só que, até taticamente, você vê a diferença que é jogar o Campeonato Brasileiro, a dificuldade que é. Eu aprendi a ver a dificuldade dos jogos que vou encarar, essa experiência de poder jogar, que eu não estava tendo no Flamengo. Isso que eu valorizo nesse tempo", disse Ronaldo, que faz parte do grupo que se apresenta nesta quinta-feira (4), para começar a pré-temporada de 2018.

Foto: Gilvan de Souza
"Venho para tentar ser titular, e o Carioca é um bom começo. Estou preparado para fazer bons jogos e mostrar meu futebol a todos. Quero pouco a pouco conquistar meu espaço, e esses jogos em que todos terão oportunidades servirão para colocar dúvida na cabeça do professor", continuou.

Mesmo de longe, Ronaldo também revelou que continuou ligado no Flamengo. O volante aprovou o modelo que Reinaldo Rueda trouxe ao Rubro-Negro e espera que favoreça o seu próprio estilo de jogo. Para quem ainda não viu o garoto em campo, ele explicou o que pretende de fazer em campo.

"Gosto muito de um estilo de jogo em que a gente tenha a posse de bola. Acho que nos valoriza e cansa mais o adversário. Gosto mais do estilo do passe. E acho que o Rueda também gosta muito. Tento observar como posso contribuir nisso. Quem está com a bola sai na frente. Nem sempre ganha, mas sofre menos e está mais perto do gol".

Confira mais da entrevista com a promessa rubro-negra:

ESTILO DE RUEDA

"De fora, eu vi um treinador que gosta muito do jogo de passe, gosta de ficar com a bola. No Atlético Nacional, eu vi jogos na Libertadores (2016) e foi sempre um time compacto, taticamente melhor. Por alguns detalhes, não conseguiu o título (em 2017). Mas, é um ótimo treinador e tem tudo para fazer melhor do que em 2017".

ESPAÇO PARA OS GAROTOS

"Ele colocou os meninos para jogar. O Paquetá terminou de titular, o Vizeu foi bem... Outros 'moleques' também aproveitaram as chances que ele deu. Venho com a cabeça tranquila, ciente de que, se fizer o meu melhor, o professor Rueda vai me dar as oportunidades".

CONVERSA COM PAQUETÁ

"Ele (Lucas Paquetá) comentou comigo que treinou forte, mas a diferença é que teve mais oportunidades. Até porque, quando saí do Flamengo, sempre soube que o nível de exigência é alto. Mas, é questão de oportunidade. Ele aproveitou, teve oportunidades e, do meu ponto de vista, eu não tive muitas. Quando chegar, tenho que estar pronto para agarrar. O segredo é trabalhar".

COMPETIÇÃO NO ELENCO

"Temos sempre que fazer algo a mais, porque estamos disputando com jogadores de nome. Se tiver que treinar mais, fazer uma academia, treinar no campo... Temos sempre que fazer mais, porque sabemos do nível que é. Quando chegar a oportunidade, tenho que aproveitar. O elenco é grande, mas vão ser muitos jogos".



Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget