Ano do Flamengo só começa contra o River Plate

BRUNO VOLOCH: Deu a lógica na Taça Guanabara. Flamengo campeão com pé nas costas.

O torcedor, porém, que não se iluda. O campeonato estadual do Rio é fraquíssimo. Botafogo e Fluminense jogaram no mesmo nível do pequenos e o Vasco, talvez o único que pudesse fazer frente ao Flamengo, priorizou com inteira razão a Libertadores.

Diante desse cenário não se poderia esperar outra coisa que não fosse o título rubro-negro.

Até que o bravo e organizado Boavista resistiu bem. No segundo tempo acabou sendo traído pelo gol contra e se entregou emocionalmente.

Torcida do Flamengo (Wallpaper) - Foto: Gilvan de Souza
Carpegiani deu sorte. Se acertou colocando Rodinei na vaga do inerte Pará, errou ao sacar Paquetá. O mais indicado seria a saída de Everton Ribeiro, aquele que acabaria fazendo o segundo gol.

A conquista deixa o Flamengo classificado para as semifinais do estadual. O time pode respirar e se concentrar, sem tanta pressão, no River Plate, adversário de estreia na Libertadores.

Aí sim, o ano começa de verdade para o Flamengo.

O time pode respirar e se concentrar, sem tanta pressão, no River Plate, adversário de estreia na Libertadores.



Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget